A Secretaria Municipal de Educação (Smed) promoveu mais uma capacitação para os manipuladores de alimentos da rede municipal de ensino. A ação foi desenvolvida pela Coordenação de Alimentação Escolar ontem (7) no auditório do Centro Municipal de Atenção Especializada (Cemae).

Segundo o coordenador de Merenda Escolar da Smed, Rodrigo Gigante, a capacitação faz parte da meta de oferecer uma alimentação de qualidade cada vez maior nas escolas municipais. “Não adianta termos matéria-prima de qualidade se não tiver uma capacitação contínua, não saber executar”. Ele também destacou que o objetivo é a valorização do profissional na rede. “É bom sempre estarmos juntos e mostrar que a equipe tem que estar unida”. Melhorar o trabalho e valorizar.

O secretário Edgard Larry parabenizou o trabalho que vem sendo desenvolvido nas escolas. “Procuramos ajudar dando o melhor suporte possível aos gestores que estão na linha de frente. “Temos a compreensão de que o setor de Alimentação Escolar está no caminho certo, pois consideramos que deve atuar de forma orgânica, interagindo com as escolas, e não apenas como um “entregar de merenda”, razão porque compreendemos ser importante a capacitação que ora acontece e que deve ser contínua. Nossa gratidão a todos os profissionais que atenderam ao chamado e puderam estar aqui, procurando aprimorar no atendimento aos alunos em toda rede municipal”.

A psicóloga Adriana Bastos fez a parte do acolhimento, mostrando a importância do serviço diário realizado pelos manipuladores de alimentos. “Cozinhar é mágico. Toca, mexe com as emoções”. Acrescentou que uma criança bem alimentada sempre vai lembrar da merenda da escola. “Ela jamais vai esquecer da merendeira, porque comer é prazeroso”.

A nutricionista Aline Rocha abordou a importância da apresentação de um prato, aquilo que tem disponível, que tem possibilidade de ofertar para essa população específica e incentivá-la a realmente gostar do que está comendo, não comer apenas por imposição. “Esse papel, hoje, da nutrição é de total importância para que consigamos atender às necessidades nutricionais de cada um”.

Para Roseni Ribeiro de Oliveira, manipuladora de alimentos da Escola Municipal Jesuíno José de Deus, localizada no povoado de Malhada, é de extrema relevância participar de eventos desta natureza. Ela já havia sido merendeira por quatro anos e recentemente voltou a trabalhar na função. “Aprendendo coisas novas para poder colocar em prática na escola”. Roseni parabenizou o atual governo e a iniciativa da secretaria de promover a capacitação, qualificando os servidores para melhor atuar nas escolas.

A capacitação incluiu a apresentação de dois vídeos, o primeiro com a entrevista da servidora Sara Matos, Creche União e Força, mostrando como ela desenvolve seu trabalho e outro de receitas com a professora da FTC, Maria Helena.