Uma das aulas do primeiro dia de curso foi sobre Políticas Públicas, com a secretária adjunta Arlete Dória

Teve início nesta quarta-feira (6), no auditório do Cemae, o Curso de Formação para Gestores Escolares, promovido pela Secretaria Municipal de Educação (Smed). Ao longo das próximas semanas, mais de 300 professores efetivos da Rede Municipal participam da atividade, que atendem à Lei nº 2.108, de 11 de outubro de 2016.

“O curso foi organizado com base no Plano Municipal de Educação (PME), que preconiza que os gestores deverão participar da formação, antes da eleição. Ou seja, a formação se constitui num critério para que os professores possam se candidatar às funções de diretor e vice-diretor. É uma forma deles, ao assumirem, terem conhecimento prévio”, explicou a coordenadora-geral do Núcleo Pedagógico, Tânia Novais.

Serão 32 horas de aulas sobre temas que compõem os três eixos principais de gestão na Educação (Administrativo, Pedagógico e Financeiro), como Políticas Públicas, Caixa Escolar, Alimentação e Transporte Escolar. As aulas serão ministradas pela equipe da própria Smed. Ao final, os participantes terão 8h para a elaboração da minuta do Plano de Trabalho.

“Desde 2018, implementamos uma gestão no município em que a prioridade é sempre o pedagógico, a criança. E os diretores estão se preparando também para que isso aconteça, para que a gestão colabore com o aprendizado da criança, não sendo simplesmente uma gestão administrativa”, informou Tânia.

Vice-diretora da Escola Municipal Lycia Pedral, Maria Lúcia de Brito avaliou a importância da iniciativa enquanto uma ferramenta de atualização que o Município oferece. “É imprescindível que a gente esteja se reciclando, se atualizando para encararmos os desafios que a gestão naturalmente impõe”, salientou.