Feira da Patagônia: conhecer para preservar. Esse foi o tema do Jornal Eco Teens, produzido pelos alunos do Colégio Estadual Camilo de Jesus e lançado na manhã desta sexta-feira, 18. O impresso é parte do Projeto Eco Kids e Eco Teens, idealizado pelo Ministério Público da Bahia e executado em parceria com a Prefeitura Municipal, Núcleo Regional de Educação e conselhos municipais.

Além de apresentações culturais, a culminância do projeto contou com a exposição das conclusões de pesquisas feitas pelos estudantes sobre o bairro Patagônia, local onde a escola foi implantada em 2013. “Estamos orgulhosos do trabalho executado pelos nossos alunos e de todos os resultados apresentados, afinal, eles se envolveram, agarrando essa oportunidade e dando o melhor por ela”, declarou a diretora da instituição, que conta com cerca de 900 alunos, Maria do Socorro Costa.

Representando o Ministério Público, a promotora de Justiça, Karina Cherubini, que atua na área de meio ambiente, destacou que a escola foi feliz com a escolha do tema. “Eles decidiram abordar o Meio Ambiente Urbano, que é muito importante, pois atitudes indevidas nesse meio causam profundos impactos”, disse.

A coordenadora de Educação Ambiental da Secretaria Municipal do Meio Ambiente, Carla Brandão, lembrou que o jornal é o resultado final de todo um trabalho de consciência ambiental desenvolvido ao longo dos meses de execução dos projetos nas escolas envolvidas.

Além de abordar aspectos econômicos e sociais da Feira da Patagônia, os estudantes abordaram temas como reciclagem e horta comunitária. “Este foi um trabalho muito bom, pois mostramos para a nossa comunidade o que podemos fazer para melhorar o lugar onde vivemos”, concluiu a estudante Elisana Santos.

Esta edição do projeto conta ainda com produção de vídeos pelos estudantes das seis escolas envolvidas.