“Se a nossa saúde for olhada com mais respeito, será uma grande vitória para nós”, disse a palestrante Rosângela Castro

Rosângela Castro, educadora social

Uma palestra na noite dessa quinta-feira, 16, reuniu um grupo de pessoas interessadas em discutir sobre saúde e prevenção contra doenças sexualmente transmissíveis, com conteúdo especificamente direcionado ao público lésbico. Realizada na Rede de Atenção e Defesa da Criança e do Adolescente, a atividade foi resultado de parceria entre a Prefeitura de Vitória da Conquista, por meio da Assessoria Técnica de Políticas para a Diversidade Sexual, e o Grupo de Lésbicas Safo.

A palestrante da noite, a educadora social Rosângela Castro, milita no movimento de lésbicas há vinte anos. “Se a nossa saúde for olhada com mais respeito, será uma grande vitória para nós. As pessoas precisam acordar para a realidade: nós existimos, somos uma grande parcela da sociedade e precisamos ser respeitadas”, afirma a educadora, que é nascida no Rio de Janeiro e atualmente desenvolve um trabalho em Salvador.

Rosângela considera “de suma importância” o fato de a Prefeitura de Vitória da Conquista ter incorporado as políticas de diversidade sexual, passando a tratá-las como políticas de governo. “Os órgãos governamentais precisam nos reconhecer como cidadãos e cidadãs. Os direitos precisam ser igualitários. E, para nós, é uma grande vitória que a Prefeitura de Vitória da Conquista tenha assumido esse compromisso e firmado essa parceria”, observa.

Respeito à diversidade –O Governo Municipal vem implementando políticas públicas que contribuem na promoção da cidadania, independente de orientação sexual. As travestis e transexuais já conquistaram o direito de utilizar o nome social em todos os órgãos municipais. A Secretaria de Desenvolvimento Social do município conta com uma Assessoria Técnica de Políticas para Diversidade Sexual.
Além disso, para marcar o Dia Nacional da Visibilidade Trans, comemorado em 29 de janeiro, a Prefeitura preparou uma campanha publicitária com o tema “Respeito e dignidade. É isso que queremos”. A Parada Orgulho de Ser LGBT, evento anual, também recebe todo o apoio do município.
Uma das conquistas mais recentes foi a criação da Comissão Municipal de Promoção da Cidadania e Direitos Humanos de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais/LGBT, responsável por promover a articulação entre o poder público e a sociedade civil na implementação de ações que assegurem o respeito à diversidade.