Audiência pública foi realizada pôde ser acompanhada pelas redes sociais

O Fórum Municipal de Educação (FME) realizou, nesta quinta-feira (21), a audiência pública de avaliação e monitoramento do Plano Municipal de Educação (PME) de Vitória da Conquista. Divididos em cinco grupos de trabalho, representantes de diferentes segmentos da Educação e da sociedade civil discutiram, ao longo do dia, o documento de avaliação elaborado no biênio 2018/2019 pela equipe técnica de monitoramento.

Criado em 2015 e composto por 20 metas que abrangem desde a Educação Infantil até o Ensino Superior, passando pelo Profissionalizante, o PME tem validade de dez anos (cada) e deve ser periodicamente monitorado e seus resultados avaliados em atividades como a audiência.

“Estivemos aqui hoje pela defesa da universalização e da qualidade do Sistema Brasileiro de Educação, para refletirmos a partir da realidade conquistense”, pontuou a coordenadora do FME, professora Talamira Brito, durante a abertura dos trabalhos na Câmara de Vereadores. Segundo ela, é a partir dessas discussões, inclusive, que as perspectivas para o novo plano podem ser traçadas, observando as questões atuais.

Em relação a esse aspecto, o secretário municipal de Educação, Edgard Larry, reforçou o compromisso da gestão da prefeita Sheila Lemos com a educação, ao alinhar, já em seu primeiro ano de governo, as metas e estratégias do plano com os dispositivos orçamentários do município. “Temos empreendido todos os esforços para que a educação do município possa cada vez mais alcançar resultados com qualidade”, enfatizou o gestor.

Secretário de Educação, Edgard Larry afirmou que esta segunda audiência se tratou de um momento histórico para o município

Representando os estudantes, a vice-presidente da União dos Estudantes da Bahia (UEB), Larice Durval, ressaltou a importância do momento do ponto de vista da participação popular. “A educação não é só uma questão de professores e estudantes. Ela não se faz sozinha dentro de escolas, de universidades. Ela se faz com a sociedade em conjunto, por isso, a participação popular em eventos como esse é tão importante para que vejamos os avanços que queremos e como alcançá-los”, afirmou.

Realizada com o apoio da Secretaria Municipal de Educação (Smed), da Câmara de Vereadores e do Conselho Municipal de Educação, a Audiência Pública de avaliação e monitoramento do PME teve em sua programação, além das discussões em grupo, apresentações culturais e conferência com a professora Alessandra Assis. A atividade é uma exigência legal e antecede à Conferência Municipal de Educação.