Tarde de palestras foi organizada pelo Sincavir, em parceria com a Prefeitura Municipal e a Polícia Militar

Após terem trabalhado durante a noite anterior, um grupo de mais de cem taxistas passou o dia de folga – esta sexta-feira, 31 – em meio a palestras* sobre a qualidade do atendimento prestado à população, direção defensiva, legislação de trânsito e a segurança da categoria. Eles foram convocados para a atividade pelo Sindicato dos Condutores Autônomos de Veículos Rodoviários de Vitória da Conquista (Sincavir), que, para promovê-la, contou com a parceria da Prefeitura Municipal – por meio de profissionais da Secretaria de Mobilidade Urbana – e da Polícia Militar.

Mediadas pelo presidente do Sincavir, Nílson Pinheiro, as palestras foram realizadas no auditório do Centro Paroquial Frei Flaviano Fonseca. A mesma programação será novamente promovida na próxima segunda-feira, 3, oportunidade na qual o sindicato espera reunir um número ainda maior de profissionais.

Nilson Pinheiro

“O objetivo é melhorar a qualidade da prestação do nosso serviço à população”, observou Pinheiro, destacando que temas como legislação, meio ambiente e primeiros socorros devem ser mais amplamente discutidos entre os taxistas. “Sem dúvida nenhuma, isso trará benefícios para a população”, registrou o sindicalista.

Herling Conceição

‘Qualificação’ – O coordenador municipal de Trânsito, Herling Conceição, considerou a atividade uma “oportunidade ímpar”, já que possibilitou uma conversa com os taxistas a respeito de questões públicas que os envolvem diretamente. “Pudemos aprender e também passar algumas alternativas para eles sobre como ter uma maior qualidade de deslocamento nas nossas vias, pois a cidade vem passando por algumas transformações, como a implantação de sistemas binários”, relatou.

Tiago Silveira

Um dos palestrantes da tarde, o agente municipal de trânsito Tiago Silveira falou aos presentes, entre outras coisas, sobre a importância de que haja sintonia entre todas as partes que compõem o sistema de trânsito. Nisso, destacou a importância do taxista. “O trânsito é uma área de convívio social em que todos se encontram. E, nesse convívio, o papel do taxista é bastante importante”, observou.

“Então a colaboração dele com os agentes de trânsito, respeitando as leis e as regras, tudo isso é muito importantepara todos os cidadãos. Vai melhorar o sistema de transporte da nossa cidade e, também, a própria qualificação deles mesmos”, acrescentou Silveira, que atua na Gerência Municipal de Educação para o Trânsito.

Alexandre de Souza

União – Na praça há 17 anos, o taxista Alexandre de Souza disse acreditar que atividades como a desta sexta-feira, 31, podem dar origem a reflexos positivos tanto para a categoria quanto para a própria população da cidade. “Isso é bom, pois reforça mais ainda a nossa classe e mostra para todo mundo que somos unidos” afirmou. “E a sociedade só tem a ganhar, com um atendimento de boa qualidade e um bom tratamento ao cliente. Só tem a melhorar”.

*Além de Nilson Pinheiro, Herling Conceição e Tiago Silveira, a mesa foi composta pelo gerente municipal de Educação para o Trânsito, Valbert Laert, pelo gerente municipal de Operação e Fiscalização, Renan Santos, e pela tenente Lorena Vitória, da 78ª Companhia de Polícia Militar.