Na última sexta-feira (12), o prefeito Herzem Gusmão, que estava internado na UTI do Hospital Sírio-Libanês, apresentou agravamento do quadro clínico com necessidade de intubação

Além da necessidade do uso do respirador, a equipe médica iniciou um tratamento com antibióticos mais potentes, por se tratar de um quadro infeccioso grave.

No momento, o quadro clínico é estável, o prefeito permanece intubado e com necessidade de sedação contínua.

Nas redes sociais do prefeito, a família agradece as inúmeras mensagens e orações que vem recebendo.