Na manhã desta sexta-feira (3), uma comitiva do município de Caetité veio até Vitória da Conquista conhecer a estrutura do Centro Integrado dos Direitos da Criança e do Adolescente e a experiência de implantação do Complexo de Escuta Protegida (CEP). O grupo foi recebido pelo secretário municipal de Desenvolvimento Social, Michael Farias, e sua equipe técnica.

A secretária de Desenvolvimento Social de Caetité, Leonara Novais Aguiar, veio acompanhada do coordenador do Programa Habitacional, Uebert Junior; do gerente de Desenvolvimento Social, Miguel Nogueira; da psicóloga Monique Borges; e da representante do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), Jéssica Ladeia, assistiu a uma apresentação do secretário Michael Farias, abordando todo o percurso percorrido pela Prefeitura de Vitória da Conquista para se tornar o primeiro município do Nordeste a efetivar a Lei de Escuta Protegida (Lei 13.431/2017). O CEP foi entregue pela prefeita Sheila Lemos em agosto e realizou suas primeiras audiências no mês de outubro.

Para o secretário Michael Farias, a Prefeitura tem a responsabilidade de se conectar a outros municípios para ampliar e fortalecer a política de direitos humanos da criança e do adolescente. “O dia de hoje reforça e evidencia a importância de Vitória da Conquista no cenário nacional, como um município indutor de grandes mudanças na ampliação da capacidade protetiva de toda a rede de proteção da criança e adolescente”, afirmou.

A secretária de Desenvolvimento Social de Caetité, Leonara Novais Aguiar, falou sobre as contribuições que essa experiência levará ao seu município. “Visitar o estabelecimento; conhecer a equipe técnica formada; saber como foi feita essa formação; quais os procedimentos que foram feitos nesse primeiro momento, no segundo momento e agora na execução, como está acontecendo. Então, é de extrema importância esse conhecimento, e como o secretário de Vitória da Conquista já está fazendo, multiplicando tudo o que foi conhecido e o que está em execução”, destacou.