Nessa terça-feira (29), aconteceu o encerramento de mais um ciclo do Grupo de Prevenção de Recaídas do Álcool, no CAPS AD III. Ao todo, foram promovidos 10 encontros semanais e participaram do grupo homens que estão em processo de abstinência.

A atividade, que tem como objetivo a prevenção de recaída ao álcool, foi conduzida por uma das psicólogas do serviço Thâmara Andrade, que explicou a necessidade de avaliar os fatores que precipitaram o consumo da substância psicoativa para manter a abstinência. “Para prevenir a recaída, é preciso trabalhar essas situações, pensamentos, emoções e comportamentos que podem levar o sujeito a retomar o seu consumo e, assim, ajudá-los a manter a abstinência”.

Ainda de acordo com a psicóloga, no espaço do grupo terapêutico, os usuários têm a possibilidade de escutar orientações dos profissionais envolvidos na atividade, trocar experiências entre seus pares e de criar novos vínculos.

“Pra mim, foi de extrema importância participar do grupo. Dando uma nota de zero a 10, eu daria 10. Estou muito bem e vou partir para outra etapa agora e espero que seja melhor ainda que essa. Agradeço muito ao CAPS!”, conta Maurício Andrade, um dos membros do Grupo Terapêutico.

Quem acompanhou de perto o crescimento pessoal de Maurício durante os encontros do Grupo foi a sua companheira, Solange Ferreira, que afirmou que os quatro meses de persistência geraram bons frutos. “Eu só tenho a agradecer por ele estar aqui porque ele mudou muito. Hoje, já tem quatro meses que ele não bebe e está mais consciente do que tem que ser feito. Aonde ele vai, ele fala do CAPS aconselhando as pessoas a procurarem o serviço”, ressalta.