O auditório da Secretaria Municipal de Trabalho, Renda e Desenvolvimento Econômico (Semtre) sediou na manhã desta quinta-feira, 24, a abertura da Conferência de Economia Solidária – Território do Sudoeste.

Esta etapa é preparatória para a III Conferência Estadual de Economia Solidária, prevista para ser realizada entre os dias 21 e 23 de maio de 2014, na cidade de Salvador. Durante o evento serão discutidos cinco eixos temáticos: Economia Solidária e Desenvolvimento; Economia Solidária e Autogestão; Economia Solidária e Solidariedade; Economia Solidária e Democracia; e Economia Solidária e os atuais instrumentos de Política Pública.

Secretário de Trabalho, Renda e Desenvolvimento Econômico, Gildelson Felício, durante pronunciamento

Em sua fala na mesa de abertura, o secretário de Trabalho, Renda e Desenvolvimento Econômico, Gildelson Felício, lembrou da criação do Banco do Povo e como ele foi importante para os pequenos empreendedores da cidade. “A economia solidária é muito importante para a Administração Municipal. Ela sempre está presente nos grandes eventos do município, como o Natal da Cidade e o Forró Pé de Serra do Periperi. Ela é uma parte da estrutura vinculada ao crescimento econômico do município”, assegurou Gildelson.

Geovane Viana

O coordenador de Economia Solidária, Geovane Viana, contou que este é um momento de discussão para o futuro do segmento. “Vamos discutir a formação do Plano Nacional de Economia Solidária e essa discussão é feita a partir da base, nas conferências territoriais e estaduais. Temos um trabalho iniciado há quase 20 anos no município e também temos um conselho, que foi o primeiro de Economia Solidária da Bahia, criado em 2008. Isso tudo mostra a atenção do Governo Municipal com esse setor da economia”, disse.

Albene Piau

Para a representante da Secretaria Estadual de Trabalho, Emprego, Renda e Esporte, Albene Piau, este é um momento de unir a força de todos os envolvidos. “A economia solidária é essa união.É preciso mostrar que nós estamos aqui e apresentar as nossas demandas”, afirmou Albene.

José da Boa Morte

Segundo o representante da Comissão Estadual, José da Boa Morte, existem vários assuntos relevantes relacionados a economia solidária para serem discutidos. “Desejo que consigamos alcançar todos os nossos objetivos através dessas conferências”, declarou.

Participaram também da mesa de abertura o representante da Comissão Territorial, Tácio de Andrade e o representante do Colegiado do Território do Sudoeste, Lívio Muniz.