A assinatura da Ordem de Serviço para a construção do novo aeroporto, que aconteceu na manhã dessa quinta,13, no auditório do Centro Municipal de Atenção Especializada (Cemae), era um momento esperado por toda a população. O evento contou com a presença de diversas autoridades políticas que comemoraram a construção desse equipamento tão aguardado por toda a sociedade.

Na oportunidade, o governador Jaques Wagner parabenizou a Administração Municipal pelo excelente trabalho realizado no município. “Hoje é um dia de alegria e de festa para toda a região. Queria parabenizar a Administração Municipal pelo sério trabalho que tem desempenhado na cidade. Agora Vitória da Conquista conta com mais um importante investimento”, afirmou.

O secretário da Casa Civil da Bahia, Rui Costa, também destacou os investimentos no município. “Hoje é um dia histórico para Conquista e região, pois essa obra tão esperada e tão importante, capaz de abarcar aeronaves de maior porte, significa maior acesso da população a voos do país inteiro. Além do novo aeroporto, Conquista recebeu outros importantes investimentos, como a nova estação de tratamento de esgotamento sanitário, a construção a barragem do Rio Catolé e a Adutora do Rio Catolé. Os investimentos somados chegam a quase R$ 500 milhões de reais”, disse.

‘Determinação’ – O vice-governador, Otto Alencar, destacou que o novo aeroporto é resultado de uma decisão política. “A concretização do novo aeroporto de Vitória da Conquista se deu graças à determinação para resolver as grandes dificuldades da população e trazer investimentos nas áreas necessárias. O Governo Municipal tem tido um compromisso social importante e lutado intensamente por isso”, ressaltou.

Nessa perspectiva, vale ressaltar que, desde 2009, o poder público municipal tem buscado viabilizar a construção desse importante equipamento. Por diversas vezes, o prefeito Guilherme Menezes esteve em Brasília para reuniões com o ministro-chefe da Aviação Civil, Wellington Moreira Franco, solicitando celeridade em todo processo.

Novo aeroporto – O novo aeroporto será construído pelo consórcio Top/Paviservice, grupo vencedor do processo licitatório formado pelas empresas Top Engenharia e Paviservice Serviços de Pavimentação. O grupo apresentou a proposta de custo de R$55,5 milhões para a obra, menor preço entre os concorrentes.

A área escolhida para a construção do novo aeroporto fica no povoado de Pé de Galinha, a 7 km da cidade. O projeto contempla todas as exigências necessárias pelas agências regulamentadoras do país. Terá uma pista de pouso com 2.100 metros de comprimento e 45 metros de largura, o que vai possibilitar a aterrissagem de aeronaves do modelo Boeing 737-800, utilizadas pelas grandes companhias aéreas do país. O terminal de passageiros terá 7.900 m² compreendidos entre saguão, duas salas de embarque e duas salas de desembarque.