O conjunto habitacional do servidor público municipal de Vitória da Conquista, batizado de Vila do Servidor, está a mais um importante passo de se tornar realidade. Na tarde desta sexta-feira (8), o prefeito Herzem Gusmão assinou o Decreto de Afetação que destina um terreno de 56 mil metros quadrados para ser usado, exclusivamente, com esse fim. A cerimônia reuniu servidores públicos e membros do Poder Legislativo, na própria área onde futuramente será erguido o condomínio, no bairro Boa Vista.

O prefeito Herzem Gusmão assinou o Decreto de Afetação na tarde desta sexta (8)

“O shopping Conquista Sul está ali, o Boulevard do outro lado, a avenida J. Pedral próxima. A Polícia Federal vai construir as suas instalações aqui, e realmente a valorização será imensa, enorme”, destaca o prefeito Herzem Gusmão, sobre a localização privilegiada do terreno. “Eu estou muito feliz por isso. Você presentear o servidor é presentear a cidade. Você não faz gestão sem o servidor, você não governa sem o servidor”, completa o prefeito.

A Vila do Servidor é uma antiga demanda dos trabalhadores da Prefeitura de Vitória da Conquista. “Hoje, a gente está vendo um sonho do servidor se transformar em realidade, então nós ficamos muito satisfeitos com isso, é um sonho nosso antigo”, confirma o vice-presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Vitória da Conquista (Sinserv), José Marcos Amaral.

A surpresa da tarde foi a participação do cantor Xangai e do repentista Toti, que presenteou o público com alguns dos seus versos

A presidente do Sindicato dos Agentes Comunitários de Saúde e de Combate às Endemias (Sindacs), Rita Suzana Silva, também avalia: “É uma grande vitória, sendo que é um pleito dos sindicatos, há muito tempo, a questão da habitação do servidor. E finalmente, lá em 2017, que foi o início do governo Herzem, que ele prometeu que realmente ia concretizar esse pleito nosso, e finalmente nós chegamos a esse patamar aqui, de assinar a afetação.”

Administração Municipal e servidores públicos comemoraram este momento

O próximo passo é formar uma comissão composta por membros da Administração Municipal e servidores públicos para dar andamento ao processo. Além disso, será disponibilizado aos servidores um pré-cadastro onde eles poderão manifestar o seu interesse na habitação e fornecer dados que auxiliarão na construção do projeto do condomínio.