A folia de reis animou os visitantes da praça Tancredo Neves, neste sábado

Quem foi à praça Tancredo Neves, neste sábado (18), não só apreciou a iluminação, mas também as apresentações dos ternos de reis “Santa Bakhita” e “Março São Sebastião Estrela Dalva” que abriram as apresentações culturais do Natal Conquista de Luz, promovido pela Prefeitura de Vitória da Conquista, mantendo a tradição nordestina dos reisados.

No palco, montado em cima da cascata, até o dia 06 de janeiro, passarão onze ternos de reis e atrações como cantor o Xangai, secretário de Cultura do município. “Este ano, a Prefeitura inovou na decoração natalina e também com a posição do palco, onde teremos como atrações principais os ternos de reis, uma cultura milenar, que traz a memória afetiva da gente, nos lembrando de nossos antepassados”, explicou o coordenador de Cultura, Alexandre Magno.

O terno “Santa Bakhita” faz homenagem a padroeira do assentamento Cedro

O primeiro terno a se apresentar, “Santa Bakhita”, do assentamento Cedro, que é comandado pelo mestre Sinvaldo Gomes Ribeiro (74 anos), mantém viva uma tradição começada com seu avô, e passada para seu pai. “Tem muito tempo que a gente tem o grupo, mas só tem oito anos que cadastramos. Nosso terno vem de geração em geração, a gente nunca quer acabar”, contou Sinvaldo que vai cantar reis até o dia 21 de janeiro.

Em seguida, foi a vez do terno “Março São Sebastião Estrela Dalva” do bairro Jardim Valéria, comandado pelo mestre Marcos Florentino, que há 12 anos toca reis, uma herança que sua mãe deixou e ele faz questão de manter. “Nosso terno deve ter uns vinte anos. Nossa tradição veio da minha vó, e a gente vem seguindo. Eu toco em homenagem ao meu avô, bisavô, minha mãe, meu pai. Eu nunca abandono nossa tradição”, relatou Marcos, que se apresentará com seu grupo até dia de São Sebastião, 20 de janeiro.

Os dois ternos se revezaram e enquanto um se apresentava no palco o outro rodava a praça.

O Natal Conquista de Luz é uma celebração para toda família que visita a praça, a exemplo da família de Elizete Viana Costa (51 anos), moradora do Mirante da Conquista, que aprovou a ornamentação e apresentação dos ternos de reis. “Este ano, a praça ficou muito mais bonita e diferente dos outros anos. Gostei demais, principalmente dos ternos, até gravei para mostrar para minha mãe”, comentou Elizete.

A moradora dos Campinhos, Edna Alves dos Santos, e toda a sua família aproveitaram para comemorar o aniversário do seu filho com a visita à praça. “A gente tinha visto as fotos na internet, mas chegando aqui tivemos essa surpresa de saber que está muito mais bonita do que nas fotos. Minha mãe também ficou muito feliz com a apresentação dos ternos de reis”, avaliou Edna.