No início deste mês, a Prefeitura já havia anunciado a construção de uma Unidade Escola de Saúde da Família que irá beneficiar mais de 10 mil moradores do bairro Campinhos e região. Na manhã desta sexta-feira (24), a secretária municipal de Saúde, Ramona Cerqueira, se reuniu com representantes da Faculdade Santo Agostinho (Fasa) para fazer as tratativas de um convênio de cooperação para a instalação da unidade.

“O projeto é implantar a primeira Unidade Escola de Saúde da Família no bairro Campinhos, que vai abranger toda a região, incluindo os condomínios do entorno. Com isso, teremos ampliação de equipe de saúde, aumentando, assim, a cobertura da Atenção Básica no município”, explicou a secretária.

O convênio prevê, como contrapartida, que a Fasa custeie o valor do aluguel do espaço para que a unidade seja uma referência de USF Escola para o aprendizado e ensino dos alunos do curso de Medicina da Instituição. “Nós firmamos a parceria e estamos agora trabalhando em cima do convênio para oficializar tudo isso e o quanto antes a gente já começar a construir e no próximo ano, se tudo der certo, já colocarmos os nossos alunos lá dentro e ampliar a oferta de vagas de atendimento para a comunidade”, destacou o coordenador adjunto do curso de Medicina, Pedro Fonseca de Vasconcelos.

A previsão é de que a unidade escola seja entregue à comunidade e comece a funcionar no mês de fevereiro de 2022, sendo um equipamento que tem via de mão-dupla, trazendo assistência em saúde primária à comunidade dos Campinhos e cooperando para a formação profissional dos alunos.

Também participaram da reunião, o diretor administrativo da SMS, Alcides Santana, o coordenador do curso de Medicina, Geraldo Lino da Silva Júnior, e o coordenador administrativo e financeiro da Fasa, Nilton Meira Correia Neto.