O mês de setembro foi escolhido para comemorar e relembrar a luta pelos direitos dos surdos. Por esta razão, ele está repleto de datas importantes para a comunidade surda. No último dia 23, foi celebrado o Dia Internacional das Línguas de Sinais.

Já este sábado (26) é conhecido nacionalmente como o Dia do Surdo, por corresponder à data de fundação do Instituto Nacional de Educação de Surdos, em 1857. No dia 30, as homenagens são para os tradutores.

Em Conquista, ainda no dia 30, também é celebrado o Dia Municipal do Surdo. Todas essas datas compõem o chamado “Setembro Azul”, cor utilizada para identificar as pessoas com deficiência durante a II Guerra Mundial, entre elas os surdos.

“São datas para promover uma maior conscientização sobre a comunidade surda e para comemorar as conquistas obtidas por essas pessoas ao longo dos anos”, reforçou a coordenadora da Central de Interpretação de Libras (CIL), Jaqueline França.

A comunidade surda conquistense que necessitar de acessibilidade comunicacional em serviços públicos ou privados, ou seja, que um intérprete acompanha a pessoa surda em atendimentos externos, como bancos e hospitais, pode entrar em contato com a CIL. O atendimento no órgão acontece de segunda a sexta, das 8h às 12h.

Para garantir o distanciamento social, o usuário pode solicitar o serviço por meio do whatsapp (77 98849- 4954) ou do e-mail (cilvcapmvc@gmail.com). Ainda em razão da pandemia, cursos da Língua Brasileira de Sinais (Libras) e de formação de intérpretes estão suspensos.

A CIL está localizada na Praça Tancredo Neves, nº 116, onde funciona a Rede de Atenção.