A Prefeitura de Vitória da Conquista promoveu um treinamento para os servidores da Secretaria Municipal de Finanças (Sefin), nesta quinta-feira (16), sobre modelo de atendimento. O objetivo é aprimorar as habilidades e conhecimentos para garantir uma prestação de serviço ainda mais eficiente, ágil e de qualidade aos cidadãos, principalmente nesse retorno das atividades às instalações originais, que passou por reforma e já volta a atender o público no antigo espaço na próxima segunda-feira (20).

Nesta tarde, cerca de 80 servidores da Sefin se reuniram para conhecer o novo modelo de serviço que será implantado pela pasta na próxima semana. Segundo o secretário de Finanças, Rodrigo Bulhões, o novo modelo de atendimento possui três pilares: atendimento personalizado, canais de comunicação diversificados, transparência e clareza. “A Secretaria Municipal de Finanças e Execução Orçamentária está comprometida em oferecer serviços de excelência para a nossa população. Por isso, estamos investindo na capacitação e no treinamento contínuo de nossos servidores municipais”, afirma o secretário.

Coordenadora de Gestão de Pessoas da Secretaria Municipal de Gestão e Inovação (Semgi), Maria Augusta destacou que a população será a maior beneficiada com serviços de qualidade, ofertados com todo o cuidado e profissionalismo, estabelecendo uma relação de cordialidade, de empatia e uma comunicação muito mais tranquila. “Para isso é que o treinamento foi realizado, para melhorar ainda mais aquilo que já era ofertado com excelência pelos nossos servidores”, disse.

Maria Augusta, coordenadora de gestão de pessoas da SEMGI

O novo modelo de atendimento tem como objetivo estabelecer uma nova forma de serviço, mais acolhedor e proativo, em que o servidor vai buscar atender as demandas do contribuinte da melhor forma possível. O atendimento personalizado consiste em um atendimento individualizado, compreendendo melhor as necessidades e dúvidas de cada cidadão. Os canais de comunicação estão sendo ampliados e modernizados, incluindo atendimento presencial, telefônico e on-line, através de chat e e-mail, para facilitar o acesso à informação. Por fim, os processos e informações serão apresentados de forma mais transparente e compreensível, com linguagem clara e objetiva, para que todos possam entender seus direitos e deveres sem complicações.