Uma das principais estratégias do Unicef para assegurar a atenção adequada a crianças de até 6 anos de idade, com o objetivo tornar o direito à sobrevivência e ao desenvolvimento infantil uma prioridade na agenda dos municípios brasileiros, a Semana do Bebê acontece em Vitória da Conquista desde segunda-feira (6), com ações que envolvem as secretarias municipais de Desenvolvimento Social, Saúde e Educação e a Fundação Pública de Saúde de Vitória da Conquista (FSVC).

Como parte da semana, ontem (7) ocorreram atividades no Hospital Esaú Matos e As crianças que precisaram de atendimento no hospital Esaú Matos na manhã desta terça-feira e no Centro de Reabilitação Física e Auditiva (Cemerf), envolvendo o próprio Cemerf e a o Centro de Especialidades Odontológicas (CEO).

No Esaú, as crianças que foram atendidas tiveram um momento de contação de histórias, promovida pela Secretaria Municipal de Educação (Smed). Foi a primeira experiência de contação de histórias da secretaria no ambiente hospitalar. “Foi gratificante e encantador. Tanto as crianças, quanto as mães e acompanhantes se deliciaram com este momento. A história encanta pessoas de todas as idades”, disse a Valéria Benjamin, que integra a equipe de educação infantil da Smed.

A monitora da Escola Municipal Professora Iza Medeiros, Kaanne Moreno Pereira Cardoso, foi a contadora das histórias. “Momento gratificante ver o rosto das crianças, ver como o encantamento das histórias leva a viajar neste mundo”, afirmou Kaane. A vice-diretora da Iza Mederiros, Maria Celeste de Carvalho concordou: “Foi maravilhoso. Ímpar”.

Para a integrante do Grupo de Trabalho de Humanização (GTH) do Hospital Esaú Matos, Cristiana Moura, a contação de histórias melhora a vida das crianças dentro da unidade e proporciona uma alta de maior qualidade, uma franca recuperação. Ela disse esperar que outros eventos aconteçam. “Parceria forte. Tem tudo para seguir adiante em projetos futuros. Juntos somando forças no município em prol da criança da primeira infância dentro de Vitória da Conquista”, concluiu.

Na foto abaixo, a equipe responsável pela ação no Esaú Matos: Quele Cristine, monitora da Escola Municipal Profª Iza Medeiros; Weidia Oliveira, Natana Andrade e Cristiana Moura, do Grupo de Trabalho de Humanização (GTH) e do serviço de relacionamento com o cliente do Esaú Matos; a vice-diretora e a monitora da Profª Iza Medeiros, Maria Celeste de Carvalho e Kaanne Moreno Pereira Cardoso; Valéria Benjamin, da Coordenação de Educação Infantil Smed,

Na ação do Cemerf e CEO, foram feitas palestras educativas sobre nutrição e cuidados odontológicos na primeira infância, sorteio de brindes, entrega de material educativo e também um momento de recreação.

Na sexta-feira (3), a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), havia antecipado a programação da Semana do Bebê. No Cemae, houve consultas com cirurgiã pediatra, ortopediatra, pneumopediatra, além de um pediatra especialista em pé torto. Também foi feita uma sala de espera, com o apoio dos alunos de Universidade Federal da Bahia (Ufba), onde os pais recebiam orientações sobre a prevenção de acidentes na infância, alimentação e demais cuidados. As crianças participaram de uma atividade lúdica e também fizeram pintura facial.

A coordenadora do Cemae, Eulinamelia Hipólito, lembrou que a atenção à saúde na primeira infância é imprescindível para garantir um desenvolvimento pleno da criança. “É importante que a Semana do Bebê aconteça para que a gente fortaleça esse cuidado dentro serviços de saúde que atendem a primeira infância, até os seis anos de idade.

“Com essa ação quisemos proporcionar aos pais e responsáveis que procuram o Cemae, essa integralidade do cuidado das nossas crianças e lembrá-los que isso não pode ser negligenciado”, reforçou a coordenadora.

Sara tem Asma e precisa fazer visitas regulares ao pediatra para evitar complicação

Elisângela Freire levou a neta Sara Freire, de um ano e cinco meses, para passar pela consulta com o pediatra e afirmou que na sua casa não há espaço para qualquer descuido. “Eu tenho o cuidado de trazer ela sempre no médico, já é a terceira consulta só esse ano. Ela mora comigo desde quando tinha um mês de vida e eu que cuido dela todos os dias, junto com meu filho, para que ela cresça saudável”, afirmou a avó da pequena Sara.

A Semana do Bebê continua até a próxima sexta-feira (10) com uma programação intensa em diversos setores da Prefeitura. Clique aqui e confira.