A Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Semma) realizou a poda drástica, ou seja, corte de mais de 70% da massa verde da copa de três pés de eucalipto no bairro Vila Serrana, na sexta-feira (18). As árvores, de mais de 60 metros de altura e com mais de 30 anos de idade, estavam com risco de queda e rompimento de galhos.

Para a operação foi utilizado um caminhão guindaste e também a ajuda do Simtrans que fez o isolamento do trânsito no local. Segundo a secretária do Meio Ambiente, Ana Cláudia Passos, a poda aconteceu a pedido dos moradores e depois de constatada a ameaça à segurança das pessoas. “Por serem árvores antigas e muito altas, a Prefeitura teve que alugar o guindaste. O setor de poda da Semma está monitorando outras árvores e atendendo as solicitações em outros pontos da cidade”, declara.

A cultura do Eucalipto foi implementada em Vitória da Conquista na década de 1980, com o plantio de árvores em vários pontos da cidade. Há alguns anos, a Semma tem utilizado espécies da flora nativa como opção para a arborização urbana, cultivadas no Herbário do Sertão da Ressaca e utilizadas sobretudo em atividades de recuperação de áreas degradadas.