São mais de 10 quilômetros de extensão, somando-se a via principal e os ‘ramais’

A Prefeitura de Vitória da Conquista incluiu na programação desta semana a recuperação de estradas rurais na região do Jeribá. O local fica a 25 quilômetros da área urbana, em direção ao sul. O trecho em obras se estende da BA-263 à divisa com os municípios de Itambé e Barra do Choça.

No total, são pouco mais de 10 quilômetros de extensão, somando-se a via principal e os chamados “ramais” (estradas menores que levam, “por dentro”, a outras localidades rurais). Um trator-esteira se ocupa de fazer terraplanagem, tapar buracos e recuperar as vias, assoreadas pela força das chuvas recentes.

Além disso, reparos também serão feitos no aterro da Ponte do Jeribá, cuja estrutura também foi afetada pela força das águas pluviais. As estradas em recuperação funcionam como pontos de tráfego para veículos particulares, automóveis ligados ao transporte escolar e de passageiros, além do escoamento da produção agrícola local.

Mateus Santos (de azul): “Nós estudamos fora. Tem que ter a estrada feita para o carro pegar a gente aqui”. 

As condições das estradas, depois das chuvas, dificultavam o trânsito por ali. Isso fazia com que estudantes, como Mateus Santos (17), tivessem de caminhar por mais tempo até a BA-263, para terem acesso aos veículos que os transportam até as escolas.

“Nós estudamos fora. Tem um carro que pega a gente. E tem hora que o carro não vem. Aí, nos vamos lá para o asfalto. Tem que ter a estrada feita para o carro pegar a gente aqui”, contou Mateus na manhã desta quinta-feira (1º), enquanto observava o trabalho do trator-esteira numa estrada próxima de sua casa, no Jeribá.

“Arrumando a estrada, o carro vai vir pegar a gente aqui. Aí, fica melhor, mais perto”, explicou o estudante.

“Esse é um trabalho de rotina”, observa o secretário municipal de Agricultura, Paulo César Oliveira. “O objetivo é proporcionar segurança e conforto para que as pessoas possam trafegar por todos os recantos do município”.

Máquinas continuam em Bate-Pé – Enquanto o trator-esteira opera na região do Jeribá, outras máquinas continuam a concentrar os esforços na recuperação de estradas da região de Bate-Pé. Ali, a Prefeitura leva serviços de terraplanagem e aplicação de cascalho a mais de 200 quilômetros de ramais e estradas maiores, a fim de facilitar o tráfego e, ao mesmo tempo, preparar a região para a próxima edição do Prefeitura Móvel. O evento está agendado para 24 de fevereiro, em Bate-Pé.