O setor de limpeza da Secretaria de Serviços Públicos (Sesep) promoveu, neste domingo (13), um mutirão de limpeza na Estação Herzem Gusmão.

A higienização da Estação ocorre a cada 15 dias, sendo priorizadas as partes de uso comum, como assentos e abrigos. Para isto é utilizado, além de água e detergente, uma solução à base de hipoclorito de sódio eficaz para extermínio de vírus e bactérias.

De acordo com o secretário de Serviços Públicos, Kairan Rocha, a limpeza é feita nos finais de semana, por conta do menor fluxo de pessoas em comparação aos dias úteis. “Não podemos atrapalhar o movimento dos ônibus e dos usuários do sistema de transporte, e também não teríamos como fazer a limpeza da forma que consideramos ideal”, explicou.

Feiras Livres

O serviço de higienização nos equipamentos públicos é praxe na Secretaria de Serviços Públicos. Um exemplo é a lavagem das feiras da cidade, que acontece de forma periódica. Porém, ao contrário da Estação, é realizada no meio da semana, onde a movimentação de pessoas é menor.

“Nós temos uma preocupação com a limpeza da cidade e com a lavagem desses equipamentos públicos, porque além da poeira, insetos, odor provocado pela urina de animais e também de pessoas, há também a questão da Covid-19 que ainda não foi totalmente controlada. No caso do terminal, tem a questão dos assentos, por exemplo, tanto que a limpeza é feita de forma minuciosa”, explicou Kairan.