Na última terça-feira (30), encerrou-se mais um ciclo do Selo Unicef (Edição 2017-2020) com o fechamento da Plataforma Crescendo Juntos (PCJ) para os municípios participantes. O Selo é uma estratégia da Unicef para fortalecer as políticas públicas e reduzir as desigualdades que afetam a vida das crianças e dos adolescentes brasileiros que vivem na Amazônia e no Semiárido.

Reunião do comitê municipal do Selo Unicef em 2018

Para que o município seja certificado com o Selo Unicef, dos 11 indicadores de impacto social, ele precisava manter ou melhorar 7 deles. Tais indicadores se referem a dados como registro civil de nascimento de crianças, taxa de abandono escolar, crianças beneficiadas pelo BPC que estão na escola, gravidez na adolescência, óbitos infantis e dados de mulheres em idade fértil investigadas, distorção idade-série, entre outros. Dos 17 Resultados Sistêmicos exigidos, cada um deles composto por ações de validação, o município precisa cumprir no mínimo 12.

No último relatório apresentado pela Unicef, dos 12 indicadores de impacto social do município de Vitória da Conquista houve melhora em 9 indicadores. Alguns indicadores tiveram evolução significativa nessa gestão. Os indicadores relacionados à Saúde foram os que tiveram melhor avanço durante essa gestão municipal, especialmente os de Vigilância à Saúde, quanto à porcentagem de óbitos de mulheres investigadas e óbitos infantis investigados. O indicador 7 (percentual de óbitos de mulheres em idade fértil investigadas – MIF) que em 2016 era 76%, em 2018 foi para 90%, havendo um aumento considerável de 14%. O indicador 9, por sua vez, que trata dos óbitos infantis investigados, percebe-se uma evolução ainda maior, em 2016 era 76% e em 2018 houve um aumento de 24%, totalizando 100% dos casos investigados.

Cinclo de Capacitação do Selo Unicef realizado em outubro de 2019

“O sentimento é de dever cumprido, foi uma experiência incrível e o aprendizado é gigantesco. Conseguimos, durante essa edição, entender um pouco de todas as políticas públicas. Fortalecemos a cada dia a intersetorialidade e o entendimento de que todos temos um único objetivo, que é a melhoria das condições de vida das crianças e adolescentes do nosso município. Agradeço a todos que contribuíram de forma significativa para que pudéssemos alcançar a execução de todas essas ações, ao Prefeito, aos Secretários Municipais, Diretores, Coordenadores e Gerentes, o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente e aos Conselhos Tutelares pelo empenho dispensado para que pudéssemos avançar”, ressaltou a articuladora do Selo Unicef em Vitória da Conquista, Camilla Fischer.

Segundo a organização do Selo Unicef a certificação dos municípios participantes devem ocorrer após outubro deste ano.