O respeito à cultura regional foi o tema principal das apresentações do Natal Conquista de Luz que se encerraram na noite desta quinta-feira (6). No dia de Reis, em que se costuma fazer a retirada dos enfeites natalinos, centenas de pessoas foram à praça Tancredo Neves apreciar a festa e a beleza das luzes.

Com apenas quatro meses de idade, Kayler Soriano foi o intérprete do menino Jesus no espetáculo Cordel de Natal. Encenado pela companhia de teatro Arte Sacra, da paróquia São Miguel Arcanjo, no palco montado no centro da praça, a inspiração foi retratar o nascimento de Cristo com a linguagem poética e popular do cordel. “Tem que ser tudo verdadeiro, com uma fala bonita, para que as pessoas tenham o conhecimento da história que realmente aconteceu”, explica o diretor da peça, Bruno Teles.

Kayler, com quatro meses, interpretou o menino Jesus

Encontro dos Reisados completaram a apresentação – Após a encenação do nascimento, houve o encontro dos Ternos de Reis que, em referência aos Reis Magos, surgiram de vários pontos da praça ao encontro do menino. Entoando preces animadas por música reuniram-se na frente do palco para celebrar o Natal, como manda a tradição do Reisado – uma das mais importantes manifestações culturais da cidade. “Fechamos este evento de forma muito satisfatória, pois conseguimos contemplar grandes artistas da nossa terra que trouxeram ao Natal seu verdadeiro significado”, declarou o coordenador municipal de Cultura, Alexandre Magno.

Dona Dolores Ribeiro, representante do Terno das Rosas de José Gonçalves e o coordenador municipal de cultura, Alecxandre Magno

A composição dos Ternos de Reis, que era predominantemente masculina no passado, possui, hoje, uma notável participação de mulheres. Maria Rosália Machado é uma das mestras que, à frente de seu grupo Divino Espírito Santo, do povoado do Baixão, ressalta a preocupação com os mais jovens em manter viva a herança cultural. “Aprendi com meu bisavô, que era mestre do Reisado e me dispus a levar adiante o grupo com os demais descendentes. Estamos muito felizes com a atenção que recebemos da Prefeitura”, disse a mestra.

Maria Rosália (ao centro) é mestra do Terno de Reis Divino Espírito Santo

O costume de ir todos os anos à praça com sua mãe, Josefa levou as irmãs Eliete e Eliane Almeida no último dia de apresentações. Segundo elas, a ornamentação da Tancredo Neves e a escolha das atrações para esta edição foi primorosa. “Hoje é dia de Reis e a gente pensou em vir ver a programação aqui. Ficamos maravilhadas em ver a valorização da cultura do Reisado que não podemos deixar acabar”, afirmou Eliane.

Eliane (à esquerda) foi à praça acompanhada de sua mãe Josefa e sua irmã Eliete Almeida

No fim de semana, a beleza das luzes continua – Apesar do término das apresentações, a Prefeitura adiou a retirada da ornamentação na Tancredo Neves, Desembargador Mármore Neto, Olívia Flores, e nos distritos de Inhobim, Bate-Pé e José Gonçalves, para a próxima segunda (10), devido ao grande interesse da população e turistas pela iluminação das praças.