Na tarde dessa quarta-feira, 6, a equipe de coordenação do Orçamento Participativo se reuniu com a secretária municipal de Saúde, Márcia Viviane de Araújo, no gabinete da secretaria. O objetivo do encontro foi discutir as demandas da saúde definidas como prioritárias durante o Congresso do Orçamento Participativo (OP), realizado em junho deste ano.

Durante a reunião, foi realizada a prestação de contas dos pleitos dos congressos de 2011 e 2013. Participaram do encontroo coordenador do OP, João Alberto Rodrigues, o gerente do OP, Idelzito Rocha, a secretária do OP, Gilcélia Silva, e os delegados Tiago Pinheiro e Tereza Santos.

Na ocasião, Márcia Viviane apresentou as obras que estão em andamento, como a Unidade de Saúde Nossa Senhora Aparecida e a Academia da Saúde da Vila Serrana. “Entre 2012 e 2013, nós reformamos a maioria das unidades com recursos próprios e do Ministério da Saúde, atendendo as demandas dos conselhos locais de saúde, associações e Congresso do OP”, informou Viviane.

Dos 11 postos de saúde que foram construídos entre 2012 e 2013, seis já foram entregues para comunidade este ano: Barrocas, Ribeirão do Paneleiro, Baixa do Muquém, Barreiro, Laranjeiras e Lagoa de Maria Clemência, e estão prontos para entrega: Braga, Matinha de Bate-Pé, São Joaquim de Paulo, Periquito e Baixa da Porteira.

Os representantes do OP também foram informados sobre a licitação que está em andamento para construção de mais 11 postos de saúde na zona rural: Cortesia, Choça, Mamão, Ribeirão (Bate-Pé), Juazeiro, Volta Grande, Farinha Molhada I, Baixa Seca, Cabeceira do Jiboia, Cachoeira das Araras e Saguim.