Na tarde desta terça-feira, 3, o Governo Municipal abriu as portas para representantes da Câmara dos Dirigentes Lojistas de Vitória da Conquista (CDL). O prefeito Herzem Gusmão e membros do secretariado receberam a comitiva para dialogar a respeito da diminuição de parte do estacionamento rotativo no centro comercial, por conta da mudança das vagas de ângulo para fila, com o objetivo de trazer maior espaço para a circulação de pessoas. O encontro permitiu que as duas partes expusessem suas ideias e traçassem alternativas em prol do bem comum.

Na ocasião, a Prefeitura também apresentou o conceito de “Cidade para Pessoas”, desenvolvido pelo arquiteto dinamarquês Jan Gehl, que está inspirando a projeção da Vitória da Conquista para o futuro. Com iniciativas de mobilidade urbana que priorizam mais o pedestre do que os carros, as ações nessa área também buscam tornar as ruas e os espaços públicos ambientes de convivência da população, o que tende a refletir positivamente nos resultados do comércio.

Além disso, o prefeito Herzem Gusmão garantiu que está sendo estudada uma forma de parceria entre a Administração Municipal e os estacionamentos particulares, para devolução das vagas que foram recentemente subtraídas. Com essa alternativa, devem ser satisfeitos os interesses dos lojistas e a visão moderna pretendida pelo Governo Municipal.

“Nós não estamos improvisando. Estamos com a Fundação Dom Cabral, com a Escola Politécnica da Ufba, com a equipe do arquiteto curitibano Jaime Lerner, estudando o melhor para a cidade”, assegura o prefeito.

A presidente da CDL, Sheila Andrade, reconheceu que a Prefeitura está cumprindo o compromisso do diálogo. Agora, a expectativa é continuar com a parceria para que sejam alcançadas novas melhorias. “Discutimos, mostramos a nossa posição, a Prefeitura mostrou o que ela pensa para o centro comercial, para o futuro. E vamos aguardar pelo que pode ser feito, porque o diálogo começou agora”, afirma.