A primeira etapa da Jornada Pedagógica 2022, da Secretaria Municipal de Educação (Smed) teve como pontos altos as falas da prefeita Sheila Lemos, aplaudida de pé após o discurso, e do secretário Edgard Larry, que enalteceram a importância dos professores na formação da sociedade, e as palestras feitas pelos professores Vasco Moretto e Guilherme Davoli, de conteúdo formador sob contexto da educação atual.

Mas, também foi um momento de homenagem, com o agradecimento especial aos gestores das oito escolas que serviram de abrigo temporário às famílias atingidas pelas chuvas: Maria da Glória Dos Santos Rocha, Miqueias Lima, Claudia Santos Fernandes, Marli Brito Jardim Mota, Margaret Lanusse Cruz de oliveira, Maria Ângela de Oliveira Mendes, Jussara Guena dos Santos Carvalho e Irailza Souza dos Santos. O agradecimento foi extensivo a todas as equipes envolvidas.

Antes, a prefeita e o secretário deram posse simbólica aos novos diretores e vice-diretores escolares eleitos para o biênio 2022/2023. Entre os gestores que receberam o certificado de posse, Eneuda Vaz Sampaio Arruda, eleita diretora junto com a vice, Maria Celeste de Carvalho, da Escola Municipal Professora Iza Medeiros, disse que estava muito grata aos colegas e pais que a elegeram.

“Eu achei uma gratificação muito grande pelos anos de trabalho que tenho dedicado nessa escola. É a única escola que eu trabalhei desde que passei no concurso. Já tenho uma longa caminhada, no trabalho como professora nesta escola. Muito feliz e privilegiada pela homenagem de hoje”, comentou Eneuda.

Reeleito para a direção da Escola Municipal Padre Isidoro, localizada na Estiva, Alexandre Dourado Botelho afirmou que pretende continuar trabalhando para melhorar ainda mais a rede municipal de ensino. Sobre a jornada, Alexandre enfatizou que a abertura foi importante porque deu uma orientação de como se deve seguir no ano letivo. “Realizaremos também nas escolas, passando as orientações para professores e funcionários”, destacou.

Prefeita Sheila Lemos, ao centro, com o secretário Edgard Larry, o presidente da Câmara de Vereadores, Luís Carlos Dudé, e gestores da escolas que serviram de abrigo temporário