Foi realizada nesta quarta-feira, 22, em Vitória da Conquista, a abertura oficial e o início das aulas dos cursos de especialização “Preceptoria de Residência Médica no SUS” (PRM) e “Preceptoria no SUS” (PSUS), frutos de uma parceria entre o Hospital Sírio Libanês (HSL), com tutoria do Instituto Sírio Libanês de Ensino e Pesquisa (IEP), e o Ministério da Saúde (MS). O objetivo dos cursos é a formação de preceptores para o Sistema Único de Saúde e têm como público- alvo os profissionais do SUS, funcionários efetivos do município, que participam de uma seleção para garantir uma das 14 vagas oferecidas. Os cursos têm o apoio do Conselho Nacional de Secretários da Saúde (CONASS), do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (CONASEMS), da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) e diversas Instituições de Ensino Superior do Brasil.

A aula inaugural reuniu professores e participantes no auditório da Escola de Formação em Saúde da Família, no CEMAE, e contou com a presença da Secretária de Saúde, Ceres Almeida, representando o prefeito Herzem Gusmão. Ela ressaltou a importância dos cursos para Vitória da Conquista: “Esses cursos são de extrema importância, pois eles vêm capacitar os profissionais de Conquista e dos municípios da região principalmente nesse momento de mudança de gestão, quando muitos dos profissionais ainda são novos, ainda precisam amadurecer mais no campo profissional para poder prestarem um bom serviço, desempenhar um bom trabalho”.

A iniciativa faz parte do Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde (PROADI-SUS). Segundo Luciana Barros, representante do Sírio Libanês e coordenadora de alguns dos cursos oferecidos, o município de Vitória da Conquista foi escolhido para a implementação do projeto após uma escolha tripartite. “A escolha é feita através de representação do Ministério da Saúde, dos secretários estaduais de saúde pelo CONAS e secretários municipais de saúde pela representação do CONASEMS”, afirmou Luciana, que completou: “Este ano, dentre as 38 regiões escolhidas foi escolhida a região de Vitória da Conquista, que é um lugar que tem uma vanguarda na área da saúde pública e entendemos que vai ser de grande valia, tanto para os profissionais da região quanto para o Sírio que poderá contar com uma região com essa potência”.

Os cursos de especialização PRM e PSUS têm carga horária de 360 horas ao todo, com 228 horas presenciais e mais 72 de trabalho a distância. Além destes dois, estão sendo oferecidos, também, os cursos de especialização em Gestão da Clínica, Regulação, Qualidade e Segurança no Cuidado ao Paciente e Gestão em Vigilância Sanitária. Os cursos são direcionados