Aos 99 anos, Dona Gersonita foi vacinada contra a Covid-19

O momento, que era tão esperado, chegou e trouxe alívio para os idosos com mais de 90 anos, que fazem parte de um dos grupos prioritários da campanha. Muitos deles se emocionaram ao receber a primeira dose da CoronaVac na manhã desta terça (2).

Foi o caso de dona Gersonita Flores, de 99 anos, que falou sobre a esperança de poder prolongar ainda mais a vida: “Eu estou pra completar 100 anos, queria ter pelo menos 70 agora, pra viver ainda mais. Mas agora, com essa vacina, eu estou mais tranquila.”

Com lágrimas nos olhos, Dona Rosália Celestina Araújo, de 91 anos, também relata: “Estava na expectativa e ansiosa há muito tempo. Para mim, foi realmente gratificante e representa um verdadeiro alívio, porque apesar dos meus 91 anos, eu quero viver mais.”

A família de Dona Rosália chegou cedo para garantir que ela recebesse a vacina

Muitos familiares estão abraçando a estratégia da Carona Solidária e levando os seus idosos para receber a vacina. Rosália Maria Araujo (66), filha da Dona Rosália Celestina, fez questão de registrar esse momento: “Pra nossa família, é como se a gente tivesse guardando a nossa mãe em uma bolha, no sentido da proteção. Então quando foi liberada a vacina para essa faixa de idade, nós já dormimos com essa expectativa. É uma sensação de alívio realmente ver isso já chegando, mesmo que aos poucos, para a população”, destacou.

“A gente já estava há mais de um ano esperando essa vacina, e graças a Deus que chegou o meu dia”, foi assim que comemorou dona Irani de Paula, de 91 anos, ao receber hoje a sua primeira dose da vacina contra a Covid-19, no drive-thru montado no Comando de Policiamento da Região Sudoeste (CPRSO).

A expectativa é vacinar cerca 1.200 idosos a partir de 90 anos

De acordo com a secretária municipal de Saúde, Ramona Cerqueira, a expectativa é vacinar cerca de 1.200 idosos nessa faixa etária. “Iniciamos o drive-thru com a perspectiva de ter pelo menos 200 idosos vacinados hoje; além do cadastramento, através das linhas telefônicas e nas unidades de saúde, em que algum familiar pode procurar para fazer o cadastro. De hoje até sábado, as nossas equipes também estarão indo aos domicílios vacinar esses idosos”, ressalta a secretária.

O município aguarda novos direcionamentos do Governo Estado e do Ministério da Saúde sobre o envio de mais remessas de doses para contemplar os demais grupos prioritários. Qualquer novidade será divulgada nos canais oficiais da Prefeitura.