A reunião foi promovida com prefeitos do sudoeste baiano e com a direção do Hospital de Base

Pactuado com 77 municípios baianos, o Hospital Geral de Vitória da Conquista (HGVC) é uma unidade de grande porte que realiza em média 3.900 atendimentos mensais – os dados são referentes ao ano de 2013, porém a demanda na unidade continua crescente. Por isso, a Associação dos Municípios dos Vales do Rio do Antônio e Rio Gavião (Amvagra) promoveu uma reunião, na manhã desta quinta-feira, 8, com a diretora do HGVC, Marilene Ferraz, e com alguns prefeitos do sudoeste do estado, dentre os quais o prefeito Guilherme Menezes, para discutir um plano de ações que será encaminhado à Secretaria Estadual de Saúde. Também participou do encontro, a secretária municipal de Saúde, Márcia Viviane Araújo.

Alan Lacerda

O objetivo é definir propostas coletivas que viabilizem dinamizar o atendimento, aumentar a oferta de leitos e promover mais melhorias nas condições de trabalho dos profissionais que atuam na unidade. “A nossa ideia ao promover esse encontro é fazer uma análise e descobrir caminhos para uma construção coletiva”, declarou o presidente da Amvagra, Alan Lacerda.

Marilene Ferraz

O Hospital Geral de Vitória da Conquista conta com 205 leitos para internamento, 49 leitos flutuantes, 120 leitos de internamento domiciliar e 06 salas de cirurgia. Segundo a diretora, Marilene Ferraz, “esse é um momento de discutir o quanto é importante reestruturar a Atenção Básica na região e descentralizar ações do HGVC”, informou.

A diretora enfatizou ainda a importância do encontro para a articulação de políticas públicas na região, sobretudo, na área de assistência de urgência e emergência. Também destacou a referência da Atenção Básica da capital do sudoeste baiano. “A Atenção Básica de Vitória da Conquista é um exemplo para todo Brasil”, disse Marilene.

Recentemente, em virtude do Programa Mais Médicos, do Governo Federal, a Atenção Básica do município ficou ainda mais fortalecida com a atuação de nove médicos cubanos. “O Programa Mais Médicos vem ajudando a organizar ainda mais a Atenção Básica. Por onde eu passo, eu vejo a população aplaudindo o atendimento dos médicos cubanos”, contou o prefeito Guilherme Menezes.