A Prefeitura de Vitória da Conquista tem investido cada vez mais na qualificação do serviço de Assistência Farmacêutica para atender à população. Para isso, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) regulamentou na Rede Municipal de Saúde o Cuidado Farmacêutico, que é uma ação integrada do farmacêutico com a equipe de saúde, centrada no usuário, para promoção, proteção, recuperação da saúde e prevenção de doenças.

O serviço já existia na rotina das Farmácias da Família e a portaria regulamenta e amplia a atuação dos farmacêuticos. “A responsabilidade que já tínhamos como profissionais de saúde agora é institucionalizada no município e isso se deu a partir de muito estudo, ação e comprometimento, demonstrando o quanto podemos contribuir com o cuidado dos pacientes enquanto rede de saúde e fazer a diferença na vida de cada um deles”, destacou a coordenadora de Assistência Farmacêutica, Halanna Ferraz.

Novos profissionais chegaram para Assistência Farmacêutica e as Farmácias da Família I e II contam agora com a atuação de dois farmacêuticos, em cada uma delas, ampliando o Cuidado Farmacêutico para auxiliar os pacientes que fazem uso de medicamentos para tratamento de doenças crônicas e tem dificuldade de adesão ou não tem controle da diabetes, hipertensão ou do colesterol.

De acordo com o farmacêutico Pablo Maciel, que coordena as Farmácia da Família e também está à frente desse serviço, esses pacientes são atendidos por consulta farmacêutica e, na oportunidade, o farmacêutico realiza uma avaliação geral da saúde e a revisão da farmacoterapia. A partir disso, são passadas orientações que contribuem para o controle dessa doença crônica, fazendo o uso racional de medicamentos e otimizando do tratamento.

“Lembrando que a ideia não é diagnosticar, mas oferecer assistência aos pacientes que já tem diagnóstico de doenças crônicas, fazendo intervenções farmacêuticas para auxiliá-los no controle dessas doenças e reduzir eventos com infarto e AVC”, ressaltou Pablo.

O serviço do Cuidado Farmacêutico é fruto de uma parceria da Universidade Federal da Bahia (UFBA) com a Prefeitura, que começou em 2012, na Farmácia da Família I, no bairro Brasil, e se consolidou nos últimos anos com mais investimentos do Governo Municipal.

Para ter acesso as consultas farmacêuticas, os pacientes são triados nas farmácias durante a dispensação de medicamentos ou insumos para insulinodependentes. Os pacientes que tiverem interesse, podem procurar uma das Farmácias para passar por uma triagem e, se necessário, fazer o agendamento da consulta farmacêutica.