Em comemoração ao Dia da Consciência Negra, a Câmara Municipal de Vitória da Conquista (CMVC) realizou nesta quarta-feira (24) a Sessão Especial que homenageia a importantes personalidades na luta contra o racismo e da promoção da cultura negra em Vitória da Conquista. O evento contou com a presença da coordenadora municipal de Promoção da Igualdade Racial, Olinda Pereira.

No iniciou do seu pronunciamento, Olinda ressaltou que o Dia da Consciência Negra representa um marco da luta de resistência do povo negro. “O nosso governo reafirma o compromisso com o povo preto e hoje honra a memória do grande líder Zumbi dos Palmares e de todos aqueles que têm contribuído para manter viva a luta antirracista que é tão importante visto toda a dificuldade de acesso e de ascensão de negros e negras”.

A coordenadora ressaltou a importância do cursinho pré-vestibular Quilombola que tem contribuído para o ingresso dos jovens nos espaços acadêmicos e afirmou que o Governo Municipal está comprometido com a coletividade. “Nossas portas sempre estarão abertas para as ações coletivas e o diálogo, na perspectiva de garantia do protagonismo e do direito. O nosso governo prima por fortalecer políticas para garantir educação, saúde, assistência social, e segurança pública, alcançando a todos com equidade”.

Olinda Pereira (Crédito: CMVC)

Homenageados – Na ocasião, três pessoas, escolhidas pelo Conselho Municipal de Políticas de Promoção da Igualdade Racial foram homenageadas com o Troféu Zumbi dos Palmares. Foram elas:

Laiz Gonçalves Souza – neta de vó Dola, Makota, articuladora cultural e social do terreiro de Xangô. Catadora de reciclagem, engajada na defesa e na luta da promoção da melhoria das condições de vida das famílias do Beco da Dola e das Pedrinhas;

Reginaldo Santos Pereira, pedagogo, pós graduado em Educação Infantil, mestrado e doutorado em Educação, Professor do programa de pós graduação em Educação da UESB, sendo também Pro reitor de graduação da instituição;

Pai Celi d’Ogum, Babalorixá do Ilê Axé Kossionilê, Alfaiate, idealizador em Vitória da Conquista, do Afoxé Filhos de Iansã e organizador da escola de samba Águia Dourada.

Os premiados Pai Celi d’Ogum, Reginaldo Santos Pereira e Laiz Gonçalves Souza