O Conselho Municipal de Alimentação Escolar aprovou, em reunião ontem (15), as contas da Coordenação de Alimentação Escolar da Secretaria Municipal de Educação (Smed), relativas ao exercício de 2021. Foram apresentados e aprovados contratos que somam mais de R$ 8 milhões, totalmente investidos na alimentação dos alunos da rede.

O coordenador Rodrigo Gigante destacou que se trata de um universo com mais de 45 mil alunos. “Em 2021, investimos em alimentação de qualidade para os estudantes. Não faltou merenda na escola. Estamos com o mesmo foco para 2022. Apresentar uma merenda com qualidade e quantidade satisfatória, proporcionando que o aluno possa estudar em paz”.

Rodrigo também enfatizou que a alimentação escolar dispõe de cópia de todos os dados apresentados, referentes aos repasses feitos pelo Município e pelo Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae)do Governo Federal.

A presidente do Conselho, Elizabeth Ferreira Lopes, considerou a reunião muito produtiva. “A coordenação esclareceu muito bem. O resultado foi excelente. Todos do Conselho de acordo”.