A segunda-feira (29) foi diferente na vida do pequeno Gabriel, de 11 anos. Acompanhado da mãe, Marinice Vieira, com o violão e um sorriso que dava para perceber mesmo com a máscara, o garoto chegou para a sua primeira aula presencial no Conservatório Municipal de Música de Vitória da Conquista.

Segundo a mãe de Gabriel, desde mais novo ele já despertava a vontade de tocar violão e, agora, está tendo a oportunidade de aprender com um professor. “Ele ganhou um violão quando tinha três anos de idade, agora que está maiorzinho eu trouxe pra fazer aula aqui no conservatório e aprender”, contou Marinice.

O menino, que antes tentava aprender por meio da internet, demonstra a alegria por estar fazendo aula com um professor. “Vai ser muito bom pra mim, vou conseguir aprender mais”, disse Gabriel.

Professor Nei Brito orienta aluno

A alegria que Nei Brito compartilha há mais de 20 anos, quando deixou outras profissões para se tornar professor de música do município. O profissional se encanta ao falar sobre as aulas de violão que ministra. “O violão e a música sempre foram os combustíveis que me movem. É muito bom poder compartilhar um pouco do que a gente sabe”, revelou.

O Conservatório Municipal conta com sete professores que ministram aulas gratuitas de violão, viola, piano, teclado, saxofone e flauta para alunos a partir de 10 anos.

Desde o retorno presencial, em 18 de outubro, após quase dois anos de aulas virtuais, as aulas no conservatório estão sendo ministradas em novo endereço, na Praça Tancredo Neves, nº 95, antiga Emurc, perto da Catedral. As aulas acontecem pelo período de dois anos, duas vezes na semana.

Segundo o coordenador do conservatório, Alexsandro Lacerda, a previsão para abertura de novas turmas é no primeiro semestre de 2022.