Vitória da Conquista conta com 36 Conselhos Locais de Saúde que atuam de forma intrassetorial e intersetorial, abordando todos os aspectos da vida em sociedade. Por meio deles, a Administração Municipal busca constantemente fortalecer a parceria com a comunidade.

Suzinete Bonfim

Na tarde desta terça-feira, 24, aconteceu a primeira etapa de capacitação dos conselheiros locais de saúde do município, no auditório da Vigilância Sanitária. “Este momento é muito importante para os conselheiros, para que eles possam demandar sobre as principais temáticas do Sistema Único de Saúde, com ênfase no Controle Social, e estar qualificados para exercerem a função de conselheiros. A atuação no conselho local de saúde contribui para fortalecer as ações que beneficiam cada vez mais a comunidade”, afirmou a assessora do Controle Social, Suzinete Bonfim.

Jussiara Barros

Dentro da proposta pedagógica que foi elaborada pela Assessoria do Controle Social, a capacitação dos conselheiros locais de saúde é composta por duas etapas e atividade de dispersão – visita ou vivência nos serviços de saúde do SUS. “É uma prática que a Secretaria Municipal de Saúde tem tido há muito tempo e, que agora, conta com a parceria da Uesb no processo de capacitação. Neste encontro, utilizamos como metodologia a educação popular em saúde, trabalhando com a problematização da realidade, para que eles possam aplicar no cotidiano do conselho local”, explicou a facilitadora da capacitação, a professora de Saúde Coletiva da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb), Jussiara Barros.

Osvaldo West

O senhor Osvaldo West tem 62 anos e participa de forma ativa do conselho local de saúde do Panorama. “Nossa participação como sociedade civil é muito importante, porque quem tem a ganhar com isso é a comunidade. Procuramos mobilizar a comunidade a participar, para que possamos discutir juntos as necessidades na área da saúde”, disse.

Silvia Carvalho

Cirurgiã-dentista há doze anos na rede do SUS, Silvia Carvalho é conselheira de saúde do Vila Serrana. Para a profissional, Vitória da Conquista foi o primeiro município onde ela presenciou os conselhos locais de saúde. “Pela primeira vez, tive a oportunidade de participar de um conselho local de saúde, porque em outros estados onde trabalhei esta iniciativa não existe. Por meio desse importante instrumento, a comunidade tem a oportunidade de reivindicar o que para ela é importante em relação à saúde”, relatou.