Após a confirmação, neste domingo (10), do credenciamento do Laboratório Central Municipal para a testagem RT- PCR para o novo coronavírus (Covid-19), o laboratório deu início nesta segunda-feira (11) aos exames das primeiras amostras de material encaminhado pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS).

O Laboratório Central Municipal é o único laboratório do interior do Estado habilitado para realizar o RT-PCR – exame considerado “padrão-ouro” para a identificação da Covid-19. “Diferente dos testes rápidos, que identificam através da contagem dos anticorpos os casos que apresentam sintomas da doença, o PCR é o exame que garante o resultado mesmo em casos assintomáticos, o que nos traz uma enorme vantagem para o planejamento e tratamento dos casos”, explica a bioquímica do Laboratório, Rosemara Andrade.

Segundo o diretor da Fundação de Saúde, Diogo Azevedo, desde o mês de março a Fundação tem se preparado para adequar a estrutura do laboratório, devido à importância em realizar os exames na cidade. “Até então, a análise das amostras dos casos suspeitos da doença eram enviados ao Laboratório Central do Estado, em Salvador, o que resultava em uma demora nessas confirmações. Agora, o Laboratório Central Municipal de Vitória da Coquista está apto a atender a cidade e também a região”, afirma Diogo.

O diretor ainda ressalta que o Laboratório tem a capacidade de processar 196 exames por dia, sendo emitido em 24 horas o laudo final. “Inicialmente, iremos trabalhar com um número menor de testagens até chegar à capacidade total. É importante destacar que o Laboratório Municipal não executa a coleta, ele apenas executa o trabalho laboratorial com o material enviado pelas instituições de saúde do município”, reitera.