Hackers atacaram o site do Ministério da Saúdee o aplicativoConecteSUS na madrugada desta sexta-feira (10). O incidente levou o ministério a tirar o site do ar, situação que permanece até a publicação desta nota. Em razão disso, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) suspendeu, temporariamente, a atualização dos dados de vacinação contra a Covid-19.

Hoje pela manhã, o Ministério da Saúde já havia informado em nota que houve “um incidente que comprometeu temporariamente alguns sistemas da pasta, como o e-SUS Notifica, Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunização (SI-PNI), ConecteSUS e funcionalidades como a emissão do Certificado Nacional de Vacinação Covid-19 e da Carteira Nacional de Vacinação Digital, que estão indisponíveis no momento”.

A SMS retomará atualização assim que o sistema foi reestabelecido, mas, até lá, as pessoas ainda podem enviar os dados pelo e-mail atualizavacinacovid@gmail.com, informando o número do CPF e a foto do cartão de vacina frente e verso. O prazo para atualização é de 10 dias úteis.

Mensagem dos hackers deixa no site do Ministério da Saúde