Entre os objetivos da Mostra Cinema Conquista está a difusão do cinema, de maneira a promover a democratização do acesso à sétima arte. Muito além, o evento vislumbra a possibilidade de formação de uma plateia crítica que se interesse pelas discussões em torno das produções.

Com a proposta de promover o cinema, acontece durante a Mostra a exibição de filmes em bairros e distritos da cidade, o Cine-Cidadão Itinerante. A iniciativa representa um diferencial entre as tradicionais mostras e festivais, que centralizam suas atividades em locais permanentes, e se destaca como característica própria da Mostra Cinema Conquista – Ano 8, correspondendo às expectativas de uma realidade local.

Este ano, o evento possibilita o acesso da população ao cinema com a exibição de curtas e longas do circuito nacional em quatro bairros, além do Centro de Cultura Camilo de Jesus Lima, e dez distritos. Entre os longas estão: Estradeiros, de Renata Pinheiro e Sérgio Oliveira; O Palhaço, de Selton Mello; Vou Rifar Meu Coração, de Ana Rieper; e Capitães da Areia, de Cecília Amado. Os curtas incluem: A Galinha que Burlou o Sistema, de Quico Meirelles; O Cadeado, de Leon Sampaio; Negócio de Menino com Menina, de Marcus Villar; L, de Thaís Fujinaga; A Fábrica, de Aly Muritiba; Cachoeira, de Sérgio José de Andrade; Sonhando Passarinhos, de Bruna Carolli; e A Noite dos Palhaços Mudos, de Juliano Luccas.

Praças públicas dos bairros Brasil, Petrópolis, Alto Maron e Urbis II, além dos distritos de José Gonçalves, Inhobim, Iguá, Pradoso, Bate-Pé, Veredinha, Cercadinho, São João da Vitória (Batuque), Dantilândia e São Sebastião poderão conferir sessões entre os dias 7 e 10 de novembro, às 19 horas. A quantidade de distritos que receberão a Mostra é o dobro da última edição, quando, pela primeira vez, o evento contou com uma programação além dos limites da cidade.