O Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest) tem atuado na força-tarefa de enfrentamento aos danos causados pelas chuvas no município, realizando visitas aos abrigos mantidos pela Prefeitura onde estão atuando servidores municipais e voluntários envolvidos diretamente no atendimento às pessoas atingidas.

As visitas estão sendo realizadas em parceria com a Vigilância Epidemiológica do município e o Núcleo Regional de Saúde do Sudoeste (NRS), com o objetivo de fazer um levantamento para verificar as condições de trabalho das pessoas que estão trabalhando na linha de frente, como carga horária, refeições, transporte e dormitórios.

De acordo com o coordenador do Cerest, Paulo Henrique Rocha, as ações tem o intuito de prestar assistência às pessoas envolvidas nesse trabalho, além de fazer prevenção e promoção da saúde dos trabalhadores por meio de vigilância nos ambientes e processos de trabalho, notificações de doenças e agravos relacionados ao trabalho.

Nas visitas, a equipe deu orientações a todos os trabalhadores para procurar minimizar os riscos de situações mais comuns de acidente de trabalho, como quedas, cortes, afogamento, choque elétrico, soterramentos, violência ou agressões, acidentes de transporte e outros ocorridos no trajeto (ida e volta), acidentes com animais peçonhentos, doenças transmissíveis, assim como a importância do cartão de vacina atualizado e o uso de Equipamentos de Proteção Coletivo e Individual (EPIs).

Também foram feitas outras duas visitas aos municípios de Presidente Jânio Quadros e Anagé, que fazem parte da regional atendida pelo Cerest.