Inserido no mês de campanha do Julho Amarelo, o dia 28 é lembrado como Dia Mundial de Luta Contra as Hepatites Virais. Para conscientizar a população sobre essas doenças e a importância do diagnóstico precoce, o Centro de Atenção e Apoio à Vida (CAAV) realiza, durante todo o mês, testagem e palestras em empresas, escolas, farmácias da Família e salas de espera nas unidades de saúde.

A coordenadora do CAAV, Riviane Santana, explicou que até a próxima sexta-feira (29) as ações no centro estão intensificadas com a ampliação da testagem para pessoas com 45 anos ou mais e a vacinação contra Hepatite B para todas as idades. “Ao final desta campanha esperamos testar cerca de cinco mil pessoas”, ressaltou. Riviane lembrou ainda que todo tratamento e acompanhamento dos pacientes com hepatites B e C é feito de forma gratuita.

A médica hepatologista responsável pelo serviço ambulatorial das Hepatites Virais no CAAV, Petruska Marques, reforçou a importância do diagnóstico precoce, “o diagnóstico e tratamento precoce podem levar a erradicação da Hepatite C em 95% dos casos e no caso da Hepatite B a redução de complicações como câncer, cirrose e necessidade de transplante de fígado”.

Dra. Petruska Marques

A médica também lembrou que, inicialmente, a maioria das pessoas portadoras dos vírus das hepatites B e C não apresenta nenhum sintoma, por isso a importância da testagem para essas doenças que podem ser transmitidas sexualmente e pelo contato direto com sangue contaminado.

O CAAV fica na Praça João Gonçalves, s/nº, no centro, próximo à Prefeitura.