Para encerrar as atividades da Audição Musical 2013, promovida pelo Conservatório Municipal de Música de Vitória da Conquista, foi realizada na noite dessa sexta-feira, 14, uma apresentação do pianista Pablo Fornasari e do violinista Gilberto Figueredo.

Segundo Pablo, sua apresentação tentou mostrar um pouco da diversidade musical que existe no mundo inteiro. “Para você adquirir uma boa interpretação do instrumento é importante que conheça diversos compositores de diversas nacionalidades. Isso acrescenta bastante no seu conhecimento musical”, afirmou o músico.

O pianista Pablo Fornasari

Pablo também destacou a importância do Conservatório de Música para a cidade. “Acho que a Bahia é o estado mais musical do Brasil, com uma grande diversidade de ritmos. Então o Conservatório de Música deveria existir em várias outras cidades do estado e não só em Vitória da Conquista. O interesse pela música existe sim e um conservatório é de extrema importância para que esse conhecimento possa ser transmitido”, diz.

A Audição Musical 2013 começou no dia 10 de dezembro e envolveu os 400 alunos que são atendidos na instituição. A proposta foi apresentar os jovens talentos e os resultados da aprendizagem adquirida pelos alunos ao longo deste ano no conservatório.

Jailton Davi Ribeiro e sua sobrinha prestigiaram a apresentação

Jailton Davi Ribeiro assistiu à apresentação com sua sobrinha e saiu satisfeito com o que viu e ouviu. “Uma apresentação dessas é algo que a gente precisa muito nos dias de hoje, já que a maioria da música que a gente escuta é mal trabalhada. A boa música acaba sendo difundida para um público muito restrito, então apresentações como esta têm que acontecer sempre. Isso só vem louvar a música e fico feliz de ver jovens participando desse evento e inclusive trouxe a minha sobrinha para assistir também”, contou Jailton.

Saiba mais – O Conservatório de Música de Vitória da Conquista oferece gratuitamente cursos de musicalização infantil, piano, teclado, violão, flauta doce e transversal, teoria musical, canto coral, além de acordeom e viola de dez cordas. A instituição, criada em 1974, constitui uma das mais bem sucedidas políticas públicas culturais do município que atende desde pessoas inexperientes com a música aos profissionais gabaritados que desejam conhecer novos instrumentos, proporcionando dessa forma uma maior interação entre os cursistas.

Artistas Regionais da Praça 9 de Novembro – E por falar em boa música, as apresentações musicais seguem animando os fins de tarde na praça 9 de Novembro. As apresentações musicais começam sempre às 18h. Apenas na terça, 24 (véspera de Natal), o show acontecerá às 11h. No palco, há espaço para vários estilos, a exemplo da banda de rock Excalibur, da MPB de Geslaney Brito e Yara Assessú e o blues da banda Distintivo Blue.