Segundo Tina, o Conquista de Luz gerou oportunidade de trabalho para mais de 220 artistas

“Este foi um dos melhores formatos que eu já vi no Natal de Vitória da Conquista”, afirmou o cantor Paulo Macedo, referindo-se a valorização dos artistas locais na primeira edição do Natal Conquista de Luz. Tal afirmação foi feita pelo músico durante uma reunião, entre a Secretaria de Cultura e os artistas que participaram do evento, realizada na noite desta segunda-feira, 22, na Praça CEUs J. Murilo.

Com participações em festivais de música por todo país, Paulo destacou ainda a qualidade da curadoria do evento, que escolheu 50 artistas locais. Eles se apresentaram nas praças Tancredo Neves, Mármore Neto e Nove de Novembro, ao longo dos cinco dias de festa. “A maioria dos artistas de Conquista foi contemplada e a existência de uma curadoria não foi diferente de um formato com edital”.

A opinião de Paulo foi compartilhada por outros artistas que participaram do encontro, a exemplo de Manno di Sousa. “O Natal Conquista de Luz, realmente, deu o seu recado, ao ampliar a participação dos artistas da cidade. Gostaria de parabenizar pelo empenho de todos os envolvidos e espero que este ano seja ainda melhor”, disse Manno.

Os artistas comemoram a aceitação do público e a visibilidade possibilitada pelo Governo Municipal

Para o cantor Alex Baducha, a avaliação do Natal Conquista de Luz foi semelhante. “Foi um Natal em que tivemos um brilho a mais. Um evento bacana, em que vários artistas foram prestigiados tanto pelo público quanto pela Prefeitura. Acho que é realmente algo que veio para ficar; espero que neste e nos próximos anos seja ampliado”, contou.

Participando pela primeira vez de um evento desta magnitude, o músico Washington Braguinha sintetizou: “Eu adorei o evento e o trabalho da Prefeitura. Foi ótimo participar”. “A gente agradece e faz votos de estarmos no próximo”, concluiu o cantor Tom Lemos.

Segundo a secretária de Cultura, Tina Rocha, este feedback dos artistas foi surpreendente e demonstra que o Governo Municipal fez a opção correta. “O que falamos, cumprimos, que foi a valorização da prata da casa, de dar visibilidade aos nossos artistas. Eles ficaram bastante satisfeitos de estar sendo prestigiados pelo governo”, destacou a secretária.

Ainda de acordo com Tina, a expectativa é que o Conquista de Luz, que gerou oportunidade de trabalho para mais de 220 artistas, repita o mesmo sucesso de 2017. “Faremos as adaptações necessárias para que mais uma vez este seja um Natal iluminado”, assegurou.

“Faremos as adaptações necessárias para que mais uma vez este seja um Natal iluminado”, assegurou secretária ao lado de parte da equipe da Secretaria