A garoa e o frio desta quarta-feira (5) não impediram que os trabalhadores e as máquinas da Empresa Municipal de Urbanismo (Emurc) dessem início às obras de pavimentação asfáltica de 10 ruas do loteamento Bela Vista. As escavações para a etapa de rebaixamento de rede começaram pela Rua E (Telê Santana), um dia após a assinatura da Ordem de Serviço, realizada na noite de terça-feira (4), nesta mesma via.

Segundo a prefeita Sheila Lemos, essa é obra que vem sendo reivindicada há muitos anos pelos moradores. “A população pediu, ontem nós autorizamos e hoje a obra começou. O Governo Municipal trabalha de domingo a domingo, porque Conquista tem pressa e nós temos compromisso com a nossa cidade”, declarou a gestora.

Para esta obra tão aguardada pelos moradores do Bela Vista foram destinados cerca de R$ 3 milhões do programa Acelera Conquista. No total, a Prefeitura vai investir mais de 2 km de pavimentação asfáltica em uma área de aproximadamente 14 mil m².

Morador de uma das primeiras casas da Rua Telê Santana, Izaildo Moura confessa que estava “desesperançoso” após muitos anos de tentativas e apelos pelo asfalto. Hoje, ele destaca a satisfação em ver as máquinas trabalhando tão logo o anúncio da obra ser feito pela prefeita Sheila Lemos. “Não só eu, mas muita gente veio filmar a máquina passando. Chegaram aqui devagarinho, pararam e falei: meu Deus, será que não vão começar? Mas já começaram e a gente está grato e ansioso pra ver o asfalto chegar”, declarou.

Izaildo

O secretário de Infraestrutura Urbana, Jackson Yoshiura, comemorou mais uma Ordem de Serviço assinada e executada pela Prefeitura, que vai contemplar uma grande quantidade de pessoas que moram entre as avenidas Juracy Magalhães e a Laura Nunes. “Essa obra vai melhorar consideravelmente a qualidade de vida das pessoas que moram, trabalham e utilizam esse trecho para ir e vir para suas casas”, comentou Jackson.

As vias beneficiadas são a Profª Francisca Santos e as ruas E, F, G, e as avenidas D, D1 (praça), D2 (praça), D3, José Ferreira de Farias, o retorno da Rua José Ferreira de Farias, além da Telê Santana.