Novo Aeroporto: Governo Federal inclui obra do terminal no PAC

Ato representa um avanço para o início das obras do terminal, que já têm recursos garantidos

Quando os governos trabalham em sintonia, a população que sai ganhando. Prova disso são as forças empenhadas pelo Governo Municipal, somadas às do Governo do Estado, na batalha pela construção do novo aeroporto de Vitória da Conquista. Nesta semana, mais uma etapa foi vencida: o comitê gestor do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) aprovou a obra do Terminal de Passageiros do novo aeroporto de Vitória da Conquista, atendendo um pedido feito pela Secretaria da Aviação Civil (SAC).

Enquanto o Palácio do Planalto era cercado de incertezas, a presidente Dilma Rousseff autorizava a inclusão do terminal do novo aeroporto de Conquista no pacote de obras que visa o desenvolvimento do interior do país, através do Plano de Aviação Regional – PAC 2. “Com este ato da presidente Dilma, o Governo Federal demonstra a sua sensibilidade diante dessa demanda da região de Vitória da Conquista”, considera o prefeito Guilherme Menezes.

“O novo aeroporto é um equipamento que está sendo aguardado com muita ansiedade pela população de Conquista e pelas pessoas da região que têm a cidade como polo econômico. Por isso, desde o primeiro momento, o Governo Municipal esteve presente no processo, e continuaremos mobilizados no intuito de dar mais celeridade também a essa etapa”, acrescentou o prefeito.

Muito antes do projeto do novo aeroporto começar a circular, o Governo Municipal estava empenhado, junto com o Governo Estadual, buscando recursos para viabilizar a construção do equipamento. “Foram muitas viagens a Salvador e a Brasília para o sonho do novo aeroporto começar a se tornar realidade”, lembra o gestor. Hoje, a primeira etapa da obra já está quase 100% concluída.

A obra – O investimento para a construção do Terminal de Passageiros é de R$ 45 milhões, já garantidos pelo Governo Federal, e também vai contemplar a aquisição e instalação dos equipamentos de auxílio à navegação, iluminação de via de contorno, mobiliários e equipamentos da Seção Contra Incêndio, iluminação do pátio de aeronaves e implantação de redes de telecomunicações do novo aeroporto. O terminal terá área construída de 3.500 m² e será composto de saguão, check-in, área de embarque e desembarque, raio x, balcões de venda, reservas e informações.

O novo aeroporto está em construção numa área de 6 milhões de metros quadrados, com um pátio para aviões com mais de 193 metros de comprimento por 50 de largura. A pista para pousos e decolagens tem comprimento de 2.100 metros e largura de 45.

De acordo com a Secretaria de Infraestrutura da Bahia (Seinfra), a licitação para escolher a empresa que irá construir o terminal deve sair em breve.

Notícias Relacionadas

Gabinete Civil
28/04
Nota de pesar pelo falecimento de Jailson Nunes
Gabinete Civil
28/04
Alegria e emoção marcam a entrega da quadra poliesportiva no Vila América
Gabinete Civil
27/04
FNDE em Ação: em Vitória da Conquista, ministro da Educação anuncia R$ 110 milhões para prefeituras baianas
Gabinete Civil
26/04
Prefeitura convoca servidores para o trabalho nesta sexta-feira