Na tarde de quarta-feira, 12, foi realizada na Sala do Conselho Municipal de Educação uma reunião para discutir a possibilidade de parceria entre os programas ProJovem Urbano, Educação de Jovens e Adultos (EJA) e Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec). O objetivo é realizar melhorias no campo da educação e do trabalho dos jovens e adultos no município de Vitória da Conquista.

Em relação à EJA, destinada aos jovens e adultos que não tiveram acesso ou não concluíram o ensino fundamental e médio, o secretário municipal de Educação, Luiz Carlos da Ibiapaba e Silva, declarou: “É interessante promover mudanças para que, no próximo ano, a EJA esteja conjugada com a profissionalização básica. Vamos analisar todas as possibilidades e nos empenhar para essa efetivação”.

Vilanei Lázaro Chaves

Além de oferecer a oportunidade de finalizar o ensino fundamental, o ProJovem Urbano proporciona qualificação profissional, por meio dos arcos ocupacionais que acontecem nos próprios núcleos onde os alunos estudam. Com uma possível parceria com o Pronatec, a profissionalização desses jovens aconteceria por meio do ProJovem, uma vez que ambos programas trabalham com o mesmo perfil de jovens.

Segundo o coordenador geral do ProJovem Urbano, Vilanei Lázaro Chaves, “para avaliar a viabilidade dessa parceria, está sendo feita uma análise das resoluções e busca de informações”, disse.

Carla Aparecida Gomes

A coordenadora do Pronatec, Carla Aparecida Gomes acrescentou: “Temos recebido muitos jovens formados pelo ProJovem Urbano. Essa parceria é bastante interessante e estamos analisando todas as possibilidades de adaptação dos nossos cursos, para que essa parceria seja possível”.

Saiba mais: o Pronatec tem a finalidade de interiorizar e democratizar a oferta de cursos de educação profissional e tecnológica para população brasileira, promovendo maiores oportunidades de trabalho e geração de renda. Os cursos são gratuitos e os alunos recebem auxílio-transporte, auxílio-alimentação e todo o material didático.