Com mais de 300 mil habitantes e uma economia em constante expansão, Vitória da Conquista é destaque no sudoeste baiano e cada vez mais se fortalece como polo educacional. Além das instituições de ensino já existentes, o município atrai frequentemente novos investimentos e parcerias de grupos que escolhem a cidade para fixar seus empreendimentos educacionais fortalecendo ainda mais o setor.

Na manhã desta terça-feira, 13, um encontro promovido entre Governo Municipal e representantes das faculdades Juvêncio Terra (FJT) e Maurício de Nassau revelou mais um importante passo para reforçar o polo de Vitória da Conquista. A parceria firmada entre as duas instituições, no último mês, e a incorporação da Faculdade Juvêncio Terra ao Grupo Ser Educacional trarão para o município novas oportunidades de oferta de cursos, como as capacitações técnicas intermediadas pelo Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec).

O Grupo Ser Educacional é mantenedor da Uninassau – Centro Universitário Maurício de Nassau, das Faculdades Maurício de Nassau e Joaquim Nabuco. A aquisição da Faculdade Juvêncio Terra faz parte do projeto de expansão do grupo pela região Nordeste.

Walter Cortez

“Foi uma surpresa agradabilíssima” – De acordo com o diretor adjunto de Operações da Faculdade Maurício de Nassau de João Pessoa, Walter Cortez, um dos motivos para Vitória da Conquista ser escolhida para sediar a parceria foi o constante desenvolvimento. O gestor disse ainda que ficou admirado com os investimentos e a atuação do Governo Municipal no setor educacional do município. “Foi uma surpresa agradabilíssima ver que tem governos e pessoas que se preocupam de fato com a educação. É uma alegria muito grande ver um município forte, pujante e que é polo com essa preocupação na educação. Isso é excelente para a Bahia e para o Brasil”, relatou.

Rede Municipal – Durante o encontro, um dos temas de destaque foi a importância do ensino básico para a formação superior. Na oportunidade, o secretário municipal de Educação, Ricardo Marques, apresentou a estruturação da rede de ensino no município. “Nós temos 42 mil alunos na rede municipal e 203 unidades escolares nas zonas urbana e rural de Vitória da Conquista. As unidades estão distribuídas em 298 povoados e 11 distritos”, informou. “O município abrange uma região com aproximadamente dois milhões de habitantes”, acrescentou o vice-prefeito, Joás Meira.

Na oportunidade, além das informações sobre a rede, houve ainda a oferta de dados sobre projetos e ações municipais como a execução do Orçamento Participativo. “Vocês estão à frente da maioria dos municípios que eu já passei. Isso é muito bom”, revelou Walter.

Além do secretário de Educação e do vice-prefeito, os representantes das faculdades foram recepcionados pelo secretário municipal de Administração, Valdemir Dias, pelo assessor especial do Gabinete Civil, Gildásio Silveira, e pelo assessor especial, Rivelito Teixeira.