Técnicos das coordenações de Proteção Social Especial, Proteção Social Básica e Planejamento e Vigilância Socioassistencial, da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Semdes) participaram, ontem e hoje (14) de um treinamento para realização de Pesquisa Nacional de Monitoramento de Deslocamento de Indígenas Venezuelanos no Brasil (DTM) oferecido pela Organização Internacional para as Migrações (OIM), com o apoio do Ministério da Cidadania.

O treinamento aconteceu on-line

O convite a Vitória da Conquista se deu porque o munícipio fazer parte da rota de migração dos indígenas venezuelanos desde 2020 e conquistou em 2021 o Selo Migracidades por boas práticas no atendimento aos migrantes. Segundo a diretoria de Assistência Social, Irlane Gomes, “este treinamento é muito importante para continuidade das ações voltadas à acolhida de migrantes no município, que foi organizado pela Semdes, a partir da chegada de indígenas venezuelanos da etnia Warao e para o monitoramento, considerando seus percursos dentro do território nacional”, explicou Irlane.

O objetivo do DTM é levantar as necessidades dos venezuelanos para auxiliar na tomada de decisões que permitam a garantia de uma migração segura, ordenada e digna. Ele se aprofunda no perfil dos entrevistados, em especial nas características de escolaridade, trabalho e renda, moradia, aspectos sobre proteção, saúde e questões específicas sobre a COVID-19 e seus impactos.