A Superintendência de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) de Vitória da Conquista realizou uma ação de fiscalização em algumas agências bancárias no centro da cidade, na semana passada, quando duas agência foram notificadas por infração da lei municipal 1345/2006, também conhecida como Lei dos 15 minutos. A fiscalização constatou que as pessoas na fila de atendimento esperavam tempo superior ao determinado pela lei. Em uma das agências, consumidores reclamaram que o tempo de espera estava superior a uma hora.

“Esta ação é em cumprimento aos objetivos do Procon que é fiscalizar as relações de consumo, priorizando sempre a ordem pública e o interesse social. As agências fiscalizadas foram notificadas para dentro do prazo legal apresentar suas respostas”, explicou o coordenador Procon, procurador Washington Luís de Oliveira Barros.

Durante a fiscalização, também foi constatado que idosos estavam submetidos ao sol e sem lugar para sentar, o que foi resolvido no ato de fiscalização. Havia bebedouros e sanitários à disposição dos clientes.