Na manhã desta segunda-feira (15), membros do Governo Municipal reuniram-se com representantes dos empreendedores que atuam no Mercado Municipal de Artesanato, localizado na praça da Bandeira, para tratar da reforma que será realizada no local. A Prefeitura já está desenvolvendo um projeto de reforma, que fará adequações nas áreas elétrica e hidráulica, como também a substituição do telhado, solicitadas pela Defesa Civil e pelo Corpo de Bombeiros.

Segundo o secretário municipal de Trabalho, Renda e Desenvolvimento Econômico, Cláudio Cardoso, os comerciantes devem desocupar temporariamente o espaço. “Da forma que se encontra a infraestrutura do prédio e também a parte elétrica, e com os últimos agravamentos, coloca-se em risco não só os ocupantes daquele espaço, os empreendedores, mas também os frequentadores. Então, buscar uma saída rápida para essa situação é o papel do Município”, afirmou o secretário.

O secretário de Serviços Públicos, Luís Paulo Santos, apresentou alternativas para os comerciantes continuarem o seu trabalho durante o período de reforma. “Para as costureiras, conseguimos prédio da Secretaria de Administração, na Rua do Triunfo, é um galpão grande, vizinho à Gerquímica. E para os permissionários da área externa, o secretário Cláudio disponibilizou um espaço lá no Mercado do Bairro Brasil”, contou