Acordo prevê reajustes de 6,78% no salário-base, 40% na ajuda de custo e 6,25% no auxílio-alimentação

Foram concluídas nesta segunda-feira, 5, as negociações entre a Prefeitura de Vitória da Conquista e o Sindicato dos Agentes Comunitários e de Endemias (Sindacs), referentes à campanha salarial deste ano. O acordo firmado entre as partes estabelece aumento salarial de 6,78% para a categoria, além de 6,25% de reajuste no auxílio-alimentação, que passará a R$ 170, e reajuste de 40% na ajuda de custo.

Outras demandas mais específicas já haviam sido encaminhadas durante a mesa permanente de negociação. “A Administração Municipal chegou à proposta, dentro dos seus limites e obedecendo ao equilíbrio fiscal. Foi uma mesa de negociação tranquila”, informou o secretário municipal de Administração, Valdemir Dias.

Rita Suzana França, presidente do Sindacs

“Tranquilo” também foi o termo utilizado pela coordenadora estadual do Sindacs, Rita Suzana França, para se referir ao clima que predominou na campanha salarial. A dirigente sindical destacou também a importância da mesa permanente, uma das principais conquistas das negociações do ano passado. Com esse recurso, várias questões vão sendo discutidas durante o ano, o que torna mais ágeis as discussões que ficam para a campanha salarial propriamente dita. “Isso propiciou que nossa negociação salarial de 2014 fosse ainda mais tranquila”, reconheceu.

A campanha salarial chega ao fim após a categoria ter aprovado o acordo, por ampla maioria de votos, na assembleia realizada no dia 25 de abril. Nada menos que 95% dos agentes votaram a favor da proposta apresentada pela Prefeitura. “O entendimento foi de que a categoria também concordou com o andamento das negociações, uma vez que o acordo foi aprovado praticamente por unanimidade”, afirmou Rita.