A nova comissão é formada por representantes de vários setores do Governo Municipal

A fim de coordenar a organização do comércio informal em Vitória da Conquista, a Prefeitura Municipal constituiu uma comissão administrativa responsável pela ordenação e ocupação do solo público do município. Criada oficialmente no dia 13 de maio, a comissão possui caráter diversificado: além da Procuradoria Geral, há representantes das secretarias municipais de Administração, Finanças, Mobilidade Urbana, Serviços Públicos, Infraestrutura Urbana e Saúde.

A principal responsabilidade da comissão será organizar a forma como os pontos de comércio informal são distribuídos pela área urbana,especialmente nas feiras livres (bairros Patagônia, Alto Maron e Brasil), na Central de Abastecimento da avenida Juracy Magalhães, no Ceasa e nos mercados municipais, além das alamedas da região central da cidade.

Crescimento – “O município tem crescido a passos largos e, com isso, a informalidade também vai surgindo, às vezes aleatoriamente. Como essa demanda tem sido muito grande nos últimos anos, o Governo Municipal achou por bem criar essa comissão para tratar das questões que dizem respeito ao comércio informal”, explica o secretário municipal de Serviços Públicos, Élvio Dourado.

O método de trabalho, segundo o secretário, será a busca por uma estratégia que, ao mesmo tempo, favoreça o trabalho desses comerciantes e torne mais racional a ocupação dos locais onde eles trabalham. “O objetivo é ordenar para que as pessoas saiam da informalidade e se constituam como microempreendedores, passando a ocupar os espaços oferecidos pela Administração Municipal para esse tipo de comércio”, observa Dourado.