No início da manhã desta segunda-feira, 10, os artesãos montavam as barracas na Praça 9 de Novembro onde vão vender seus produtos na Feira de Economia Solidária. A iniciativa é promovida pela Prefeitura de Vitória da Conquista, por meio da Secretaria Municipal de Trabalho, Renda e Desenvolvimento Econômico (Semtre).

As feiras são os principais momentos de comercialização dos grupos de artesanato locais. Dessa vez, a Associação de Economia Popular e Solidária (AEPS) é a entidade que estará expondo e comercializando produtos na praça.

Léia Camilo

A artesã Léia Camilo trabalha com bonecas de emborrachado e pinturas em panos de prato. Ela espera que as vendas aumentem bastante durante a feira. “Fico aqui até sábado, meu ateliê é em casa e é lá que eu vendo os produtos no dia a dia. Entrei na associação justamente para ter a oportunidade de aumentar as minhas vendas. Aqui na praça, a visibilidade é maior”, comentou.

Ionara Peixoto Fernandes

Ter maior visibilidade e aumentar as vendas também é o mesmo desejo da artesã Ionara Peixoto Fernandes, que comercializa produtos de cozinha, de cama e enxovais de criança. “A gente espera que essa feira seja uma benção para todos nós. Estamos na expectativa que o movimento seja muito bom”, revelou Ionara.

O artesanato está sendo comercializado em 15 estandes, que vão englobar aproximadamente 30 empreendedores. A Feira da Economia Solidária seguirá até o dia 15.